Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

CORREIO VEÍCULOS

Progressão no caminho: Audi A1 City Carver

A Audi lança em setembro novo modelo, destacando a personalização

8 AGO 19 - 16h:00DANIEL DIAS/Agência AutoMotrix

Modelo mais progressivo da família A1, o City Carver começará a ser vendido na Europa em setembro, apostando forte na personalização e na ampla oferta de conectividade, ecleticamente adaptado a qualquer ambiente, seja no trânsito urbano, na estrada, nas trilhas rurais e em terrenos pouco acidentados, pois conta com uma altura em relação ao solo mais alta em quatro centímetros em comparação à versão “normal” do carro alemão. Como o City Carver tem base no A1 Sportback, poderá ter duas opções de motorização, o 1.4 turbo TSI com 125 cavalos e aceleração de zero a 100 km/h em 8,9 segundos ou o 1.8 turbo FSI com 192 cavalos e aceleração em 6,9 segundos. Os dois propulsores podem ser associados ao câmbio manual de 6 velocidades ou ao automatizado de dupla embreagem. Os sistemas de assistência têm controle de cruzeiro adaptativo e assistência de estacionamento, o Audi Pre Sense (detecção de pedestres e ciclistas) e o aviso de saída de pista. A configuração do A1 tem rodas de 16 polegadas.

Por fora, o A1 City Carver tem um visual robusto típico de fora-de-estrada, destacando a grade frontal octogonal herdada da linha Q. No interior da peça, os favos de mel são fortemente esculpidos e pintados em preto. Dois “slots” (ranhuras) horizontais pretos colocados acima da grade diferenciam a versão da Sportback. A proteção da parte inferior da carroceria pintada em aço inoxidável sugere a capacidade off-road do City Carver. Os arcos das rodas e as laterais redesenhados complementam as partes adicionais esportivas em cor contrastante. O para-choque traseiro exclusivo está em sintonia com a aparência dianteira, enquanto a paleta de cores inclui nove opções para a carroceria biton, com o teto em Mythos Preto ou em Manhattan Cinza Metálico.

No interior, o design e os painéis de controle orientados para o motorista entram em uma simbiose desejada. O painel digital de instrumentos forma um conjunto compacto com as saídas de ar. As aberturas, o console central do túnel e as portas têm as superfícies do acento em hortelã, cobre, laranja ou prata-cinza. Além do equipamento básico de interior, existem três linhas de itens para a escolha do comprador: avançado, seleção de estilo e linha S, que oferece a opção entre as capas de assento em tecido/couro sintético ou Alcântara/couro sintético/ambiente. A seleção de design de cabine contempla ainda um pacote de contorno/ambiente.

Componentes de informação e de entretenimento e uma vasta conectividade fazem do Audi A1 City Carver um companheiro inteligente para jovens condutores em particular. Um painel de instrumentos totalmente digital vem de fábrica, com o cockpit virtual e a navegação MMI da Audi. O motorista controla o sistema de informação e de entretenimento por meio da tela “touchscreen” de 10,1 polegadas ou simplesmente pelo comando de voz. Destinos de navegação são encontrados em pesquisa de texto. O provedor de serviços de navegação e mapas calcula a rota online levando em consideração as condições de tráfego em tempo real. A Audi coloca à disposição de série outras funções, como navegação pelo Google Earth, informações de trânsito online, rádio híbrido (sintoniza pelo smartphone por meio da conexão de retorno do streaming da operadora) e ponto de acesso Wi-Fi para dispositivos móveis de GPS.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Jeep Compass estreia linha 2020, <Br>com novidades em todas as versões
CORREIO VEÍCULOS

Jeep Compass estreia linha 2020, com novidades em todas as versões

Finalmente sem máscara: Ram 2500
CORREIO VEÍCULOS

Finalmente sem máscara: Ram 2500

Equipe "X Rally Team": De olho <br>no tetracampeonato
RALLY DOS SERTÕES

Equipe "X Rally Team":
De olho no tetracampeonato

Comparativo entre a Honda XRE 300 <BR>e a Yamaha Lander 250
CORREIO VEÍCULOS

Comparativo entre a Honda XRE 300 e a Yamaha Lander 250

Mais Lidas