Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

CORREIO VEÍCULOS

Autonomia esticada: Mini Cooper S E Countryman ALL4

No Brasil a R$ 199.990, o híbrido ganha uma nova bateria de íon-lítio

8 OUT 19 - 11h:20DANIEL DIAS/Agência AutoMotrix

O Mini Cooper S E Countryman ALL4, primeiro veículo híbrido plug-in da marca britânica, acaba de ganhar uma nova bateria de íon-lítio que torna o modelo ainda mais eficiente e sustentável, sem perder o seu tradicional “go-kart feeling” (em tradução livre, “sensação de estar em um kart”). A nova bateria de alta voltagem elevou a capacidade energética de 7.7 kWh para 10.0 kWh, resultando em um aumento de 30% na autonomia elétrica – agora, o modelo pode rodar até cinquenta e dois quilômetros sem emissões, ante quarenta quilômetros com a anterior. Posicionada sob o assento traseiro, otimizando o espaço na cabine, a bateria pode ser totalmente recarregada em uma tomada doméstica em cerca de cinco horas ou em apenas três horas e quinze minutos quando conectada ao wallbox. Já no Brasil, o híbrido da marca britânica pode ser comprado pelo preço de R$ 199.990. No acumulado do ano até agosto, as dezessete versões do “carrinho” tiveram 1.370 emplacamentos no Brasil, sendo cinquenta e sete da configuração amigável do ambiente.

O sistema híbrido do Cooper S E Countryman ALL4 é formado por um propulsor a combustão e um motor elétrico, que geram uma potência combinada de 224 cavalos (165kw), torque de 39 kgfm, aceleração de zero a 100 km/h em 6,8 segundos e autonomia de aproximadamente de quinhentos quilômetros. O motor a gasolina 1.5 TwinPower Turbo tem três cilindros, 136 cavalos de potência e 23 kgfm de torque a partir de 1.250 rotações por minuto. O elétrico, concebido seguindo o princípio de um sistema híbrido sincronizado, oferece potência de 88 cavalos e torque instantâneo de 17 kgfm. Seja com o motor a gasolina ou no modo zero-emissões, o híbrido da Mini garante o prazer de dirigir, seja sobre o asfalto ou longe dele. “O Cooper S E Countryman ALL4 é um modelo revolucionário desde a sua concepção e representa um divisor de águas na história da Mini. Com ele, escreveremos os próximos capítulos de uma trajetória que, cada vez mais, combinará esportividade com eficiência energética e sustentabilidade”, comemora Rodrigo Novello, diretor de Vendas e Marketing da Mini Brasil.

Considerado como o SUV dos Mini, o SE Countryman plug-in hybrid é produzido em Born, na Holanda, e carrega com conforto quatro pessoas, embora as de mais de 1,80 metros de altura tenham alguma dificuldade para acomodar as pernas. Além da tecnologia do conjunto propulsor, o Cooper S E Countryman ALL4 oferece um sistema de tração integral eletrificada e uma grande quantidade de equipamentos de série, como o Mini Connected, o Mini Concierge com atendimento vinte e quatro horas, sistema de Navegação Mini com informação de trânsito em tempo real, central multimídia com tela “touchscreen” de 8,8 polegadas, Apple CarPlay (o Android Auto não tem nem como opcional), Head Up Display, sistema de som Hi Fi Harman/Kardon, ar-condicionado automático de duas zonas, bancos com ajustes elétricos, teto solar panorâmico, faróis full-led direcionais (acompanha a trajetória da curva) e sensor de estacionamento traseiro com câmera de ré. 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Teste da Triumph Tiger 1200 XCa
CORREIO VEÍCULOS

Teste da Triumph Tiger 1200 XCa

Destaques da Fenatran 2019
CORREIO VEÍCULOS

Destaques da Fenatran 2019

Nova visão do futuro: Toyota Mirai
CORREIO VEÍCULOS

Nova visão do futuro: Toyota Mirai

Cidade adentro: Iveco Daily 2020
CORREIO VEÍCULOS

Cidade adentro: Iveco Daily 2020

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião