Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

BATE-BOCA

Vereadores discutem por divergência em horários de vacinação

Salineiro diz que horário não foi cumprido

16 ABR 19 - 14h:05ALINE OLIVEIRA E RENATA VOLPE

Durante a sessão desta terça-feira (16), na Câmara Municipal, os vereadores André Salineiro (PSDB) e Enfermeiro Fritz (PSD) discutiram no plenário por divergirem dos horários de atendimento disponibilizados nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Unidades e de saúde da família (UBSF), quanto a campanha de vacinação contra Influenza 2019. 

Na última sessão (10), André Salineiro apresentou uma denúncia recebida da população de que as unidades não estariam cumprindo o horário estendido, prejudicando assim a imunização de crianças, cujos responsáveis trabalham em expediente comercial.

"Recebi o contato de uma servidora municipal que inclusive pediu para sair mais cedo do trabalho e mesmo chegando às 17h40 não conseguiu atendimento", explicou o parlamentar.  Na ocasião, Fritz informou que o atendimento estava normalizado tanto no plantão de sábados, domingos e feriados, quanto no horário estendido que é até 18h45. 

Hoje (16), Salineiro voltou a utilizar a tribuna e disse que visitou alguns postos e a situação declarada foi confirmada. "Só encontrei o atendimento diferenciado no posto Nova Bahia, então digo que o colega mentiu", ressaltou.

Em razão da declaração, os ânimos se alteraram e o vereador Fritz rebateu a fala de Salineiro, afirmando que entregaria um documento recebido da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), no qual estava detalhadas as informações sobre horário, endereço e dinâmica de atendimento das unidades de saúde. 

"Vou entregar o documento para todos os vereadores a parte na qual consta o horário de atendimento e solicito retratação do parlamentar, por me chamar de mentiroso", pontuou.

CAMPANHA

De acordo com informações oficiais da Sesau, a campanha de vacinação contra a Influenza 2019 teve início no dia 10 de abril, nas 68 unidades básicas de saúde (UBS) e de saúde da família (UBSF). A meta este ano é imunizar 90% do público alvo estimado em 219 mil até 31 de maio.

Conforme a Coordenadoria de Vigilância Epidemiológica, o primeiro grupo para o qual as doses estão disponíveis são: crianças de 6 meses a menores de 6 anos (5 anos, 11 meses e 29 dias) e gestantes. A ampliação para os demais grupos acontece no dia 22 de abril.

As salas de vacinação das UBS/UBSF funcionam de acordo com o horário de atendimento da unidade. Portanto, a orientação é que paciente procure a unidade mais próxima da residência e se informe quanto ao expediente.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Segunda etapa da campanha de vacinação começa nesta segunda
GRIPE

Segunda etapa da campanha de vacinação começa segunda

Feriado sem mortes, mas 1,6 mil são autuados por excesso de velocidade
RODOVIAS FEDERAIS

Mais de 1,6 mil são autuados por excesso de velocidade

Pacientes esperam até 6 horas por atendimento em CRS da Coophavilla
SAÚDE

Pacientes esperam até 6 horas por atendimento em CRS

Frente fria passa pelo Estado e temperaturas caem nesta segunda
TEMPO

Frente fria passa pelo Estado e temperaturas devem cair

Mais Lidas