Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

APRESSADOS

Ultrapassagem indevida é a infração mais cometida no feriado

Número já é maior que o da operação do ano passado

15 NOV 19 - 18h:14FÁBIO ORUÊ

Alguns condutores não têm respeitado a sinalização nas rodovias e estão realizando ultrapassagens de forma imprópria, não respeitando a sinalização. Somente durante o início da Operação Proclamação da República 2019 - meia-noite de ontem (14) até às 16h de hoje (15) - a Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou e autuou 97 motoristas por ultrapassagem indevida, um condutor a cada 2h40. Este número já é maior que na operação do ano passado, que registrou 78 casos. 

Das 2,5 pessoas e 1,9 mil veículos fiscalizados foram constatados 46 condutores e 29 passageiros sem o cinto de segurança e seis crianças fora do dispositivo de segurança necessário - bebê conforto, cadeirinha e/ou assento de elevação. Além disso, Com foco na conscientização dos riscos enfrentados pelos viajantes, a PRF está promovendo ações direcionadas à educação para o trânsito, sendo que neste período 473 pessoas passaram por esse processo. 

Como a infração mais cometida é a ultrapassagem, a polícia recomenda que o condutor ultrapasse sempre pela esquerda somente em locais permitidos e principalmente onde haja todas as condições necessárias para execução da manobra com segurança. Antes de iniciar uma ultrapassagem, certifique-se da distância e da visibilidade do veículo que pretende ultrapassar e dos que vêm em sentido contrário. Se outro veículo o estiver ultrapassando ou tiver sinalizado a intenção de fazê-lo, dê a preferência e aguarde a sua vez. 

Toda manobra deve ser sinalizada com antecedência, além de atenção redobrada ao ultrapassar ônibus e caminhões. Por se tratar de veículos grandes e pesados, é preciso se certificar de que há espaço suficiente para realizar uma ultrapassagem segura e ao ser ultrapassado não acelere, não mude a trajetória do veículo e mantenha distância segura do veículo à frente.

Neste mesmo período 1,2 mil teste do bafômetro foram feitos, deste número seis foram constatados por teste, uma pessoa se recusou a realizar o teste e três foram presos. Além disso, aconteceram cinco acidentes, com seis pessoas feridas.  

QUATRO MORTOS EM 2018

Nos cinco dias de operação em 2018, entre 14 a 18 de novembro, a PRF registrou 22 acidentes - seis graves -, sendo que 34 pessoas ficaram feridas e 4 morreram. Foram contabilizadas 78 infrações de ultrapassagens indevidas, sendo dessas, 72 praticadas em faixa dupla contínua. 

O não uso do cinto de segurança foi responsável por 90 infrações, sendo 82 pelos passageiros que não utilizavam o dispositivo de segurança e 19 por crianças não estarem no bebê conforto, cadeirinha ou assento de elevação. 

Foram realizados 2 mil testes com bafômetro, 59 pessoas autuadas e 17 pessoas presas por embriaguez ao volante.

 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Menores infratores armam motim<br> e 27 fogem de Unei pela porta da frente
FUGA EM MASSA

Menores infratores armam motim e 27 fogem de Unei
pela porta da frente

STJ deve decidir destino de Jamil Name nesta semana
MILÍCIA ARMADA

STJ deve decidir destino de Jamil Name nesta semana

Após picada de abelha, motociclista alérgico é resgatado por policiais
BR-163

Após picada de abelha, motociclista alérgico é resgatado por policiais

DOF apreendeu 100 toneladas<br> de maconha em 1 ano em MS
TRÁFICO DE DROGAS

DOF apreendeu 100 toneladas de maconha em 1 ano em MS

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião