Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Agressões

Mulher perde medo e denuncia haitiano que a mordeu

Briga com múltiplas agressões teve início por suspeita de traição

23 AGO 15 - 12h:20KLEBER CLAJUS

Uma mulher de 32 anos denunciou, neste domingo (23), o ex-companheiro haitiano que a agrediu com mordidas e tapas depois de questionar suposta traição em Três Lagoas, a 313 quilômetros de Campo Grande. O casal mantinha relacionamento há nove meses e casos de violência não eram relatados por medo de que o rapaz fosse deportado.

O questionamento da traição ocorreu, por volta das 2h, na residência em que moravam no Bairro Interlagos. A suspeita era de haveria outra mulher no local, mas indignado o haitiano agrediu a ex-companheira apertando seu pescoço, com tapas e mordidas no antebraço. Até mesmo um corte no braço foi constatado.

A vítima, no registro policial, informou ter sido alvo de violência doméstica em outras ocasiões. Denúncias, no entanto, não eram realizadas por medo do rapaz ser deportado. Ela passou por exame para comprovar lesão corporal, porém a representação contra o haitiano foi prejudicada pela falta de dados de identificação do mesmo.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Deputado excluído de grupo <br> insiste em participar de comissão
CPI DO PALANQUE

Deputado excluído de grupo
insiste em participar de comissão

Receita irá devolver R$ 27,3 milhões do Imposto de Renda em MS
RESTITUIÇÃO

Receita irá devolver
R$ 27,3 milhões do Imposto de Renda em MS

Prefeitura irá retomar área doada para construção de cervejaria
FALTA DE ACORDO

Prefeitura irá retomar área doada para construção de cervejaria

Roubos em vias públicas caem 21,1% em MS, diz Sejusp
CRIMES EM QUEDA

Roubos em vias públicas caem 21,1%, diz Sejusp

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião