Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

PAVIMENTAÇÃO

Trad afirma que ideal é recapear vias com danos mais antigos

Prefeito destacou que quer evitar tapa-buraco

11 FEV 19 - 14h:17ALINE OLIVEIRA E NATALIA YAHN

O prefeito de Campo Grande, Marcos Marcello Trad, explicou que administração municipal está economizando ao máximo a utilização de serviço de tapa-buraco porque em algumas vias é necessário o recapeamento, em razão da deterioração do tempo. 

A afirmação aconteceu durante entrevista concedida ao programa de rádio Noticidade, da Rede MS, na manhã desta segunda-feira (11).  Na ocasião, o chefe do Executivo Municipal destacou que é preciso encontrar soluções e não culpar a natureza pelos estragos.

"Temos uma situação de vias com pavimentações ultrapassadas, condenadas mesmo. O ideal era recapear ou fazer pavimentação completa. Temos economizado ao máximo para não gastarmos em tapa-buraco, porque assim conseguiremos mais recursos para recapeamento", afirma Trad.

Entre as vias citadas pelo prefeito que receberam ou receberão serviços de recapeamento estão: Avenida Consul Assaf Trad, Raul Pires Barbosa, Padre João Cripa, Tamandaré, Euller, entre outras.

"Em algumas vias como no Monte Castelo, por exemplo, o serviço foi feito em 1977, outras têm uma média de 32 a 35 anos e não receberam manutenção adequada. Criamos uma comissão para saber como podemos agir no sentido de conseguir recursos", declara.

Trad pontuou ainda que a principal forma de conseguir dinheiro é buscar linhas de financiamento com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), porém, a administração municipal não conseguiu autorização porque a capacidade de pagamento não chama atenção das instituições financeiras. "Ninguém vai emprestar dinheiro  para uma cidade que não tem como pagar, é preciso comprovar capacidade de cumprir o compromisso. Hoje, a avaliação e liberação exige muita informação técnica", observa.

OBRAS CONFIRMADAS

Na semana passada, o prefeito de Campo Grande foi até a Câmara Municipal para apresentar a prestação de contas do mandato e anunciou  investimento de R$ 202 milhões em pavimentação para 2019 e lembrou das várias obras realizadas e em andamento na Capital, recordando, entre elas:

Reviva Campo Grande;  revitalização do Anhandui; recapeamento da Cônsul Assaf Trad, Brilhante, Euler de Azevedo, Fernando de Noronha e trecho da Tamandaré, asfalto no Parque dos Laranjais e Jardim Morenão e retomada das obras do macroanel, com mais de 24km de pavimentação realizadas.

Também pontuou a instalação de 13 mil lâmpadas de Led, revitalização do Autódromo internacional de Campo Grande; etapa A de obras de pavimentação e drenagem do Nova Lima finalizada; os trabalhos de microrrevestimento e recapeamento, com recuperação de mais de 40 km de vias.

 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Mega-Sena pode pagar hoje R$ 31 milhões
LOTERIA

Mega-Sena pode pagar hoje R$ 31 milhões

Mãe morre e filhas ficam feridas após acidente em rodovia de MS
BR-158

Mãe morre e filhas ficam feridas após acidente em rodovia de MS

Chuva derruba árvore e alaga ruas em Campo Grande
VEJA VÍDEO

Chuva derruba árvore e alaga ruas em Campo Grande

Em casamento coletivo, casal que se conheceu pela internet finalmente troca alianças
MATRIMÔNIO

Em casamento coletivo, casal que se conheceu pela internet finalmente troca alianças

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião