Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CINCO DIAS DE DIFICULDADES

Sem água, moradores do Moreninhas usam o que resta nos encanamentos

Obras na região afetaram a rotina por mais tempo que o esperado
13/07/2019 14:10 - ALÍRIA ARISTIDES


 

 

A falta de água afetou o cotidiano de moradores do bairro Moreninhas durante a semana. Segundo a concessionária Águas Guariroba, o fornecimento foi interrompido para manutenção emergencial no sistema de abastecimento da região. A população local reclama que não houve aviso prévio sobre a suspensão do serviço e que foi necessário economizar e utilizar a água restante somente em atividades essenciais. 

O serviço de manutenção, que estava previsto para durar somente um dia, acabou se estendendo e causou problemas para quem reside na região. A dona de casa Ana Paula Ferreira, 40 anos, relata que a água retorna fraca durante poucas horas da madrugada e que é preciso ficar acordada para encher alguns baldes. “Tenho criança pequena e a situação está complicada. É difícil pra fazer comida, a louça está transbordando na pia”, disse.

Outra moradora do bairro, a dona de casa Rosa dos Santos, 72 anos, diz que precisou dividir com vizinhos o que sobrou na sua caixa d’água. Enquanto mostrava seu jardim ficando amarelado por não estar sendo devidamente regado, dona Rosa comentou que está “usando o pouquinho de água que tem só para tomar, para cozinhar, essas coisas. Nas minhas plantas eu usei água da chuva que tinha juntado”. 

A cabeleireira Celídia Ferreira, 54, contou que precisou pegar água de balde com caneca para lavar os cabelos das clientes. O abastecimento estava se normalizando no salão de beleza, mas a cabeleireira ainda receia que o serviço volte a ser suspenso. “A água acabou de chegar, se vai ficar eu não sei. Ontem mesmo foi o dia todo sem, não chegou à noite, de manhã levantei e não tinha água. Foi assim a semana inteira”, relatou.

Houve relatos do retorno gradual da água em algumas casas da região ao longo da sexta feira (12), mas com o serviço ainda instável.

A Águas Guariroba informa que a previsão para a conclusão dos trabalhos é até a noite de ontem (12). Equipes técnicas estiveram no local para reduzir os transtornos a população.

Felpuda


Vereador de Campo Grande fez pronunciamento com forte teor preconceituoso que obviamente não agradou, principalmente as mulheres. A repercussão negativa foi grande e ele teve de ler cobras e lagartos em seu perfil nas redes sociais. Assim, correu para publicar nota de esclarecimento tentando colocar panos quentes e se comprometendo a, já na próxima sessão, solicitar a retirada de sua fala dos chamados “anais da Casa”. Também, pudera!