Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, segunda, 17 de dezembro de 2018

Tribunal de Contas

Salários de fevereiro variam de R$ 158 mil
a R$ 57 mil entre os conselheiros do TCE

Pela primeira vez, tribunal divulgou vencimentos de forma nominal

16 ABR 2018Por LEANDRO ABREU16h:08

Pela primeira vez, o Portal da Transparência do Tribunal de Contas do Estado (TCE) divulgou os salários e outros pagamentos pelo nome de cada conselheiro. Os vencimentos mensais dos sete principais cargos variam de R$ 158,2 mil a R$ 57,8 mil.

O mês de fevereiro foi o primeiro a ter os vencimentos divulgados dos conselheiros. Com salário fixo de R$ 30,4 mil, cada um tem outros pagamentos legais ou judiciais, que em alguns casos passam dos R$ 100 mil.

Líder da lista, o conselheiro Osmar Domingues Jeronymo recebeu R$ 158,2 mil no mês de fevereiro, divididos entre os R$ 30,4 mil de salário e R$ 127,7 mil de outros pagamentos. Ele está no TCE desde janeiro de 2015, quando foi indicado pelo então governador André Puccinelli (MDB).

Em segundo vem o conselheiro mais novo na “casa”. O ex-deputado estadual Flávio Kayatt foi nomeado após a indicação do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) em novembro do ano passado. Com apenas cinco meses no cargo, Kayatt recebeu em fevereiro R$ 139,1 mil.

Em seguida vem o conselheiro Ronaldo Chadid, com vencimentos de R$ 74,9 mil entre o salário de R$ 30,4 mil, outros pagamentos de R$ 43,1 mil e “outras remunerações eventuais” de R$ 1,3 mil. Chadid é conselheiro desde 2012, quando também foi indicado por Puccinelli.

Na quarta posição do ranking de maiores salários entre os conselheiros está Iran Coelho das Neves, que recebeu R$ 73,2 mil. Ele, junto com Waldir Neves, é o conselheiro mais antigo em atividade. Iran tomou posse em 2009, também indicado por Puccinelli.

Em quinto está o outro conselheiro mais antigo e presidente do TCE. Waldir Neves recebeu no mês de fevereiro seu salário fixo de R$ 30,4 mil mais outros pagamentos legais ou judiciais de R$ 40 mil, totalizando vencimentos de R$ 70,5 mil.

Ex-deputado estadual Jerson Domingues ficou na sexta posição da lista com os R$ 70 mil recebidos em fevereiro. Ele é conselheiro desde 2015, quando foi indicado pelo então governador André Puccinelli.

Por fim, na sétima posição, o outro “novato” do TCE, Márcio Monteiro, recebeu pouco mais que R$ 57,8 mil em fevereiro, com a somatória do salário de R$ 30,4 mil e os outros pagamentos de R$ 27,4 mil. Monteiro é conselheiro do tribunal desde novembro do ano passado, quando foi indicado pelo governador Reinaldo Azambuja.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também