Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Conflito

Reunião vai definir retirada de gado e maquinário de fazendas invadidas no Estado

Indígenas ocuparam cinco fazendas de Antônio João no último fim de semana

28 AGO 15 - 10h:11ALINY MARY DIAS

Com o aumento da tensão na região de Antônio João, cidade distante 402 quilômetros da Capital, entre índios e fazendeiros, representantes de órgãos devem se reunir na tarde desta sexta-feira (28) para definir como será feita a retirada de gado e maquinário das cinco fazendas invadidas.

Participam da reunião representantes do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), Fundação Nacional do Índio (Funai) e Ministério Público Federal (MPF).

Segundo apurou o Dourados News, tanto animais quanto bens materiais das propriedades podem sofrer danos, segundo relatos do comandante do DOF, Ari Carlos Barbosa.

"Tem máquinas agrícolas, tratores e animais, muitos deles precisam de cuidados. Além disso pertences de funcionários com valor sentimental também, temos o objetivo de preservar tudo isso, evitar confrontos e resguardar a integridade física tanto de produtores quanto dos indígenas” destacou.

TERRAS

Há 10 anos, em 2005, o Governo Federal homologou parte das propriedades rurais da cidade como terra indígena. A partir daí, houve série de cobranças por parte dos índios para que a área fosse demarcada, no entanto, nada foi feito pelo Governo Federal.

No último fim de semana, indígenas invadiram fazendas e até fizeram famílias de produtores reféns. O Departamento de Operações de Fronteira (DOF) foi acionado e está na região desde então.

Na quarta-feira (26), o clima ficou ainda mais tenso e produtores rurais bloquearam estradas que dão acesso à cidade em forma de protesto. As rodovias foram liberadas durante a noite. Ontem (27), a situação era menos tensa na região, mas a invasão continua e policiais do DOF fazem a segurança para evitar confrontos entre indígenas e fazendeiros.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

MPT recorre à Justiça para que Santa Casa pague salários atrasados
TUTELA DE URGÊNCIA

MPT recorre à Justiça para que Santa Casa pague salários

Em perseguição, veículo capota e PM apreende uma tonelada de maconha
ANTÔNIO JOÃO

Veículo capota e PM apreende uma tonelada de maconha

Evento oferecerá renegociação de dívidas, cursos e exames gratuitos
CAMPO GRANDE

Evento terá renegociação, cursos e exames gratuitos

Abrasel pressiona e <br> votação sobre canudos é adiada
PEDIU VISTAS

Abrasel pressiona e votação sobre canudos é adiada

Mais Lidas