Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 12 de dezembro de 2018

CRIME ORGANIZADO

Reunião de organização criminosa termina com 12 presos pela Polícia Federal

Grupo estava fortemente armado e com carros blindados em Ponta Porã

7 DEZ 2018Por GLAUCEA VACCARI19h:41

Polícia Federal prendeu 12 pessoas e apreendeu grande quantidade de armamento de uso restrito, além de 54,7 mil dólares, durante reunião de uma organização criminosa, hoje, em Ponta Porã, na região de fronteira com o Paraguai.

Ação foi realizada após a polícia receber denúncia anônima de que haveria reunião entre os integrantes de uma quadrilha, os quais estariam fortemente armados e trafegando pela cidade em carros blindados. 

Com base na informação, policiais federais passaram a fazer vigilância nas proximidades da residência e, na tarde de hoje, abordaram três suspeitos no momento em que eles deixavam o local. Em revista, foi verificado que todos estavam armados e foi dada ordem para que os demais participantes do encontro saíssem do imóvel.

Em buscas no interior da casa, foram encontradas e apreendidas sete armas, sendo seis pistolas Glock 9 milímetros de uso restrito e um revólver calibre .38, além de 16 carregadores de pistola, 27 celulares, aproximadamente 400 munições de diversos calibres, documentos e os US$ 54,7 mil em dinheiro. Na garagem, havia oito veículos, sendo quatro deles blindados.

Conforme a Polícia Federal, ficou evidenciado que a reunião se tratava de encontro de uma organização criminosa. 

As 12 pessoas que estavam no local foram presas e responderão por tráfico internacional de armas, receptação, obstrução à justiça e organização criminosa. Somadas, as penas podem chegar a 32 anos de prisão. Os nomes dos presos na ação não foram divulgados. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também