Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PANDEMIA

Recorde: MS tem mais 156 casos confirmados da Covid-19 em 24 horas

Estado chegou aos 1,8 mil casos do novo coronavírus
03/06/2020 12:30 - Bruna Aquino


A disseminação do novo coronavírus tem se arrastado pelos municípios em Mato Grosso do Sul aumentando os números de pacientes infectados pela doença. Com isso, o Estado bateu o recorde no aumento e registrou nesta quarta-feira (3), mais 156 novos casos em 19 municípios, segundo boletim epidemiológico. O número mais alto que o Estado havia registrado até agora foi de 99 casos no dia 25 de maio, quando Mato Grosso do Sul chegou aos de mil casos na época. 

Para o secretário de Estado de Saúde (SES) de Mato Grosso do Sul, Geraldo Resende, até o final do sábado quando encerra a 23ª semana epidemiológica, poderá ter o dobro de casos em relação à semana anterior, já que nos três primeiros dias da 23ª semana, o Estado já registrou 384 casos e relacionou tudo a falta de isolamento social. “Isso é preocupante, não dá para as pessoas ficarem nas ruas, em restaurantes e bares da cidade, seja onde for, festas, achar que a vida está normal, o vírus está aí é perigoso, e pode levar daqui a pouco ao sucateamento e colapso no nosso Sistema Único de Saúde”, disse. 

Dos 156 novos casos (9,5%), o maior número em 24 horas atingiu o município de Fátima do Sul (45 casos), enquanto a região de Dourados que é considerado Epicentro da doença registrou 39 novos infectados e Campo Grande mais 12 novos casos. Laguna Carapã entrou para a classificação de municípios infectados com um caso confirmado. O Estado já soma hoje 1.802 casos confirmados, com 808 pessoas curadas, 402 casos suspeitos e 20 óbitos. 

LEITOS
Ainda segundo boletim epidemiológico, a taxa de ocupação de leitos para Covid-19 pelo SUS em Mato Grosso do Sul é de 5,7% em leitos clínicos e 6,6% em leitos de UTI. Nos casos hospitalizados, são 15 pacientes internados em Campo Grande em hospitais públicos e privados. Já em Dourados são 17 pacientes internados, enquanto Três Lagoas tem 2 internados e Corumbá uma pessoa em hospital público. Outros quatro pacientes internados são de outros estados brasileiros. 

REPASSE AOS HOSPITAIS
Para ajudar no combate à doença, Mato Grosso do Sul vai receber recurso de R$ 30.052.216,43 do auxílio financeiro emergencial às Santas Casas e aos hospitais filantrópicos sem fins lucrativos, que participam de forma complementar do Sistema Único de Saúde (SUS) em 34 municípios, constantes nos Planos de Contingência dos Estados. 

A primeira parcela de R$ 9.081.331,03 já foi distribuída aos municípios, enquanto a segunda parcela de R$ 20.970.885,40 deverá ser repassada posterior a primeira parcela. 

Segundo o secretário de saúde, com esse recurso, os hospitais terão condições de adquirir todos os equipamentos para seus funcionários que estão na linha de frente. “Nós estamos informando para que não haja cobrança indevida, para que a gente tenha de fato a dimensão exata de que recursos não faltam no combate a doença no país”, finalizou. 

 

Felpuda


Figurinha começou a respirar aliviada, embora ainda esteja na corda bamba. Isso porque mudou de mãos o processo cuja sentença poderá mandá-la para casa definitivamente. Assim, pela “jurisprudência” com a qual o “analista” é conhecido, pode ser que o resultado seja bastante favorável, permitindo que a então desesperada pessoa continue com o assento em Brasília. Vamos ver!