Campo Grande - MS, terça, 21 de agosto de 2018

VOLKSWAGEN

Procon-MS alerta 915 donos de veículos
sobre risco de pane no motor

Entre os carros na lista estão Novo Gol, Novo Voyage, Up e outros

9 JUN 2017Por IZABELA JORNADA15h:42

Com riscos de acidentes, a Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon/MS) convoca 915 consumidores que comercializaram veículos da marca Volkswagen com risco de pane no motor. O recall foi iniciado no dia 10 de maio de 2017 e abrange, no total, 54.170 veículos, sendo 915 comercializados no Estado.

Os veículos foram fabricados entre 1º de março de 2016 e 12 de janeiro de 2017, dos modelos Volkswagen Up!, Novo Gol, Novo Voyage, Nova Saveiro, Fox, CrossFox, SpaceFox e Space Cross, modelos 2016 e 2017.

O risco é a possibilidade de inoperância do alternador que deixa de gerar energia para a bateria e para o sistema elétrico do veículo. Situações em que a carga da bateria não é suficiente para o funcionamento do veículo podem ocorrer panes elétricas e até o desligamento do motor e gerar acidentes.

Consumidores estão sendo convocados para inspeção e, se for necessário, a substituição do alternador responsável por gerar energia para a bateria e para o sistema elétrico dos veículos abrangidos pelo recall.

O serviço é gratuito e o agendamento deve ser feito na Rede de Concessionárias Volkswagen. O tempo de reparo é estimado em até 3 horas, caso seja necessária a substituição do componente envolvido.

CONVOCAÇÃO

A convocação abrange donos de automóveis com numeração de chassi, não sequencial, compreendida entre os intervalos GGT548567 a HT523246, para os veículos Up!, ano/modelo 2016 e 2017; GP102025 a HP501022 e HT000039 a HT042350, para os veículos Gol, Voyage e Saveiro, ano/modelo 2016 e 2017; G4065578 a H4021703, para os veículos Fox e CrossFox, ano/modelo 2016 e 2017; e HA512059 a HA513061, para os veículos SpaceFox e Space Cross, ano/modelo 2017.

O Procon alerta que para proteger a saúde e a segurança do consumidor o recall deve ser realizado pelo fornecedor quando for constatado um produto danificado. O Código de Defesa do Consumidor (CDC) determina que o fornecedor repare ou troque o produto defeituoso a qualquer momento e de forma gratuita.

Leia Também