Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PESQUISA NA CAPITAL

Procon encontra variações em preços da cesta básica

Sal está entre produtos com maior diferença de valor

12 JUL 19 - 09h:26ALÍRIA ARISTIDES

Pesquisa realizada pela Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon-MS) revelou valores médios de produtos de consumo essenciais que compõem cesta básica, como arroz, café e açúcar, além de mercadorias de hortifruti, encontrados em supermercados de Campo Grande.

Foram comparados valores de 27 produtos de cesta básica. A maior variação encontrada pelo Procon foi em uma marca de lata de extrato de tomate, com diferença de 182,39% entre o menor e o maior valor cobrado pelos supermercados. Também foram encontradas variações de 175,42% em pacote de um quilo de sal e de 161% em suco concentrado. 

Já a menor diferença nos preços foi identificado no litro de leite, que entre o valor mais alto e mais baixo apresentou variação de 29,76%.

Quanto aos produtos de hortifruti, o Procon realizou pesquisa de custo de 59 alimentos. Os valores do quilo de laranja apresentaram variação de 311,18% nos estabelecimentos pesquisados, a maior da lista. Também foi encontrada diferença de 217,78% entre o maior e menor preço cobrado pela alface crespa e de 200,67% no quilo do abacaxi. O quilo de mel de abelha in natura teve a menor variação de valor entre os supermercados da capital, com 18,54%.

Para o levantamento dos preços de cesta básica foram realizadas visitas em 11 estabelecimentos da capital. Ao longo do mês de junho deste ano, o Procon estadual verificou valores encontrados no setor de hortifruti desses estabelecimentos.

Segundo o superintendente do Procon, Marcelo Salomão, o objetivo da pesquisa foi possibilitar ao consumidor adquirir produtos por preços mais baratos.  “Nossa intenção é ajudar a população e facilitar que nesse momento de crise possam comprar os itens mais baratos em variados estabelecimentos”, disse.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Estado repassou R$ 53,4 milhões <br>para a Saúde da Capital neste ano
SEMESTRE

Repasses para a Saúde da Capital somam R$ 53,4 milhões

Cinco cachorros salvam homem <br>de ataque de onça em fazenda
PORTO MURTINHO

Cinco cachorros salvam homem de ataque de onça

Trecho da BR-060 será <br> recuperado por R$ 16,2 milhões
EM MS

Trecho da BR-060 será recuperado por R$ 16 milhões

Aprovada sob protesto, prefeito tem 90 dias para regulamentar reforma
PREVIDÊNCIA MUNICIPAL

Aprovada, reforma tem 90 dias para ser regulamentada

Mais Lidas