Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

Operação

PRF intensifica fiscalização para evitar acidentes durante o Carnaval

Carnaval é considerado período mais crítico, por conta do abuso de bebida

8 FEV 18 - 18h:31GLAUCEA VACCARI

Fiscalização será intensificada nas rodovias federais de Mato Grosso do Sul a partir desta sexta-feira (9), tendo como alvo excesso de velocidade, embriaguez ao volante e ultrapassagens, com foco na redução de acidentes durante o período de Carnaval. Operação Carnaval 2018 termina na quarta-feira de cinzas.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o Carnaval é um dos períodos mais críticos do calendário nacional de operações do órgão, por conta do grande fluxo de veículos nas rodovias e o uso abusivo de álcool.

A fiscalização será intensificada principalmente nos pontos considerados estratégicos, onde há maior incidência de acidente, e terá como foco as condutas mais graves, entra elas ultrapassagens indevidas, excesso de velocidade e falta de equipamentos de segurança, como cinto de segurança, cadeirinha para crianças e capacete.

Para o trabalho, haverá reforço no efetivo da PRF, com policiais de 10 delegacias e 22 unidades operacionais intensificando suas atividades.

Com foco na redução de acidentes, serão promovidas ações educativas. Em alguns pontos, condutores serão convidades a assistir vídeos que mostram comportamentos inadequados no trânsit e as consequencias destas condutas.

MOTIVAÇÃO PARA ACIDENTES

Um relatório divulgado nesta segunda-feira (5) pela Polícia Rodoviária Federal aponta que 68,2% dos acidentes graves registrados nas rodovias de Mato Grosso do Sul tiveram cinco causas principais: ingestão de álcool, velocidade incompatível, sono, falta de atenção e desobediência à sinalização. 

No Estado, o principal determinante, registrando 39% das ocorrências, foi a falta de atenção na condução dos veículos.

ORIENTAÇÃO

Para evitar acidentes, PRF orienta que os motoristas façam revisão preventiva no veículo antes da viagem, se informe sobre distâncias que percorrerá, condições do tempo, pontos de parada e existência de postos de combustíveis e restaurantes à beira da estrada, além de programar paradas a casa três horas para evitar a chamada “hipnose rodoviária”, na qual os olhos se mantém abertos, mas sem percepção da realidade em volta.

Também é importante checar e não esquecer documentação pessoal e do veículo. Durante a viagem, é necessário ficar atento as placas de indicam limites de velocidade e as condições de ultrapassagem.

PRF ressalta também a importância do cinto de segurança, que é obrigatório para todos os ocupantes do veículo.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Escola do Estado recebida pela prefeitura será de tempo integral
EDUCAÇÃO

Escola do Estado recebida pela prefeitura será de tempo integral

INFRAESTRUTURA

Estrada que liga Bonito à Serra da Bodoquena ganhará asfalto

A obra custará R$ 6.095.389,93 e deverá ser conclluída em quatro meses
Prefeitura contrata nova empresa para vistoriar transporte coletivo
EDITAL

Prefeitura contrata nova empresa para vistoriar transporte coletivo

Juiz Odilon desiste do plano de disputar eleição municipal
APOSENTADO

Juiz Odilon desiste do plano de disputar eleição municipal

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião