Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PONTA PORÃ

Preso no interior de SP, professor acusado de assédio em Ponta Porã

Flagrante aconteceu em Cachoeira Paulista

10 JUL 19 - 15h:02ALINE OLIVEIRA

Um professor de 48 anos acusado de assediar sexualmente, pelo menos cinco adolescentes em Ponta Porã, foi preso na noite de terça-feira (9), na cidade de Cachoeira Paulista (SP).

A prisão aconteceu em razão da ação conjunta da Polícia Militar de São Paulo e da Delegacia de Atendimento à Mulher (DAM), do município sul-mato-grossense. 

De acordo com a delegada titular de Ponta Porã, Marianne Cristine de Souza, a equipe local recebeu informações de que o professor foragido estava na Canção Nova. "Diante do fato, acionamos a PM de São paulo, que conseguiu prende-lo por volta das 22h30", relatou. 

SOBRE O CASO

O professor teve a prisão decretada pela 2ª Vara Criminal de Ponta Porã, depois que a Delegacia de Atendimento à Mulher (DAM) receber denúncias sobre o comportamento do suspeito em relação as alunas adolescentes. 

A informação é de que utilizava o pretexto de ser terapeuta e convidava as meninas para irem até casa dele, argumentando que realizava massagens com pedras, para alinhar os chacras e desenvolver o corpo.

Outra informação coletada nas investigações, é de que o docente aproveitava a proximidade com as meninas, para sem consentimento tocar o corpo e fazer perguntas de cunho sexual. Contudo, somente duas vítimas formalizaram denúncias e os outros três casos seguem em investigação pela DAM.

A delegada solicitou a prisão preventiva do suspeito, a qual foi decretada pela Justiça no dia 28 de junho, ocasião em que ele alugou a casa na qual morava e fugiu para o estado de São Paulo.

A acusação feita contra o suspeito é de Importunação Sexual, crime previsto no Artigo 215-A, do Código Penal Brasileira, o qual prevê pena de 1 a 5 anos. 

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Homem é preso por compartilhar cenas de abuso sexual infantil

HABITAÇÃO

Governo diz que 177 mil moradias já foram contratadas este ano no País

Incêndio assusta no Parque dos Poderes
CAMPO GRANDE

Incêndio assusta no Parque dos Poderes

Grupo protesta contra queimadas na Amazônia na Afonso Pena
NA AFONSO PENA

Grupo protesta contra queimadas na Amazônia

Mais Lidas