Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

Plano Diretor

Presidente da Câmara nega pressão
e expansão de território

Presidente afirmou que vários pontos do PD ainda serão discutidos

12 JUN 2018Por BRUNA AQUINO12h:25

O presidente da Câmara de Vereadores de Campo Grande João Rocha (PSDB) negou na manhã desta terça-feira(12) durante sessão no Plenário que, de forma alguma, a Câmara Municipal está sendo pressionada pelo Ministério Público Estadual (MPE) em relação ao Plano Diretor. 

De acordo com o presidente, existe uma harmonia entre todos os poderes e não há sobreposição de nenhum dos lados, e que cada um está trabalhando na sua área para que "juntos, possam construir um bom plano para Campo Grande", disse. 

Rocha ainda afirmou que não foi discutido a possibilidade de expansão urbana e que vários pontos do Plano Diretor ainda serão discutidos quando o projeto for votado. "O projeto não está aqui ainda, mas quando vier para a casa, vai ser discutido e votado", finalizou.

 

Leia Também