Campo Grande - MS, quinta, 16 de agosto de 2018

GOI

Polícia cria grupo especial para atuar em investigações preliminares de crimes

Grupo de Operações e Investigações substituirá o Setor de Investigações Gerais

18 JUL 2017Por GLAUCEA VACCARI11h:42

Para atuar na investigação preliminar de crimes complexos, Delegacia Geral de Polícia Civil de Mato Grosso do Sul criou o Grupo de Operações e Investigações (GOI). Decreto com a estrutura e atribuições da unidade foi publicado na edição de hoje do Diário Oficial do Estado.

Unidade será composta por 29 policiais civis, sendo um delegado, na qualidade de coordenador do grupo, um chefe de operações e 27 policiais.

Segundo o delegado geral da Polícia Civil, Marcelo Vargas, o GOI substituirá o atual Setor de Investigações Gerais (SIG)

Grupo será responsável por desenvolver investigações preliminares em locais de crimes de maior complexidade, elaborando relatórios sobre as diligências realizadas e providências adotadas e receber relatório, documentos e materiais das equipes de investigação e enviá-los às unidades policiais responsáveis pela continuidade das investigações.

Os integrantes do GOI também têm como atribuições atender a todos os locais de crimes de homicídio em Campo Grande, dando início as investigações preliminares; auxiliar às unidades policiais em cumprimentos de mandados de busca e apreensão e de prisão; auxiliar a escolta de pessoas custodiadas; prestar apoio às investigações em andamento em outras delegacias quando houver determinação, tanto da Capital quanto do interior; auxiliar no combate ao tráfico de drogas; realizar atividades de inteligência e desenvolver operações policiais de combate a criminalidade, além de outras determinações que lhes forem atribuídas.

O efetivo será composto por servidores integrantes da carreira de delegado, da categoria funcional investigador de Polícia Judiciária e das categorias funcionais das carreiras que compõem a Polícia Civil de MS e o ingresso no grupo será feito mediante análise do perfil profissional e capacitação, avaliação psicológica e investigação social.

Leia Também