Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

NO INTERIOR

Polícia Ambiental prende contrabandista com agrotóxicos adquiridos no Paraguai

Acusado pagará agora até multa pelo crime

10 ABR 19 - 12h:16RAFAEL RIBEIRO

Policiais Militares Ambientais de Naviraí realizavam fiscalização na rodovia MS-180 e abordaram na terça-feira (9) à noite um veículo Ford Ranger, conduzido por um homem de 24 anos, residente em Mundo Novo. Na vistoria no interior do veículo foram encontrados agrotóxicos contrabandeados.

O infrator, residente em Mundo Novo, informou ter adquirido o agrotóxico na cidade de Salto Del Guairá (PY) e levaria para Naviraí. Foram aprendidos o veículo e 15 Kg de Agrotóxicos de origem estrangeira, sem registro nos órgãos competentes, sendo 12 Kg da marca Differ e 3 Kg da marca Ultimatum.

O motorista foi preso em flagrante e encaminhado, juntamente com o material apreendido, à delegacia de Polícia Federal de Naviraí por crime de contrabando e por crime ambiental, previsto pelo artigo 56 da Lei Federal nº 9.605/12/2/1998 de transporte de produto ou substância tóxica, perigosa ou nociva à saúde humana ou ao meio ambiente. A pena para o crime ambiental é de um a quatro anos de reclusão. O infrator também foi autuado administrativamente em R$ 1.500,00.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Número de doadores cai e Hemosul precisa de sangue com urgência
ESTOQUE CRÍTICO

Número de doadores cai e Hemosul precisa de sangue com urgência

Nesta segunda, cinco cidades fazem aniversário em Mato Grosso do Sul
PARABÉNS

Nesta segunda, 5 cidades fazem aniversário em MS

IFMS oferece 960 vagas em graduações pelo Sisu em 2020
ENSINO SUPERIOR

IFMS oferece 960 vagas em graduações pelo Sisu em 2020

Manifestantes querem confirmação <br> de renúncia para encerrar protesto
BOLÍVIA

Manifestantes querem confirmação
de renúncia para encerrar protesto

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião