Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

CRIME AMBIENTAL

PMA autua agricultor em R$ 4 mil
por derrubada ilegal de árvores

Madeira era usada para fazer estacas para cercas

14 JUN 2018Por FÁBIO ORUÊ17h:00

A Polícia Militar Ambiental (PMA) de Jardim autuou um agricultor em R$ 4 mil por derrubada ilegal de árvores para exploração de madeira. A polícia fazia uma fiscalização ambiental, ontem (13), no assentamento Rio Feio, em Guia Lopes da Laguna quando autuou o proprietário rural, de 55 anos, por crime ambiental de exploração e armazenamento de madeira ilegalmente.

O infrator derrubou, em sua propriedade, seis árvores de grande porte da espécie aroeira, com uso de motosserras, sem autorização do órgão ambiental. As toras de madeira provenientes das árvores derrubadas foram transformadas em estacas para cerca.

Ele foi autuado administrativamente e multado em R$ 4 mil.  Ele responderá também por crime ambiental de exploração ilegal de madeira com pena de seis meses a um ano de detenção.

Leia Também