MUSEU DE CURITIBA

PF entrega mais 22 obras de arte apreendidas na Lava Jato

Obras foram transportadas do Rio de Janeiro para Curitiba por uma empresa especializada e ficarão sob custódia do museu
11/08/2015 13:42 - Agência Brasil


O Museu Oscar Niemeyer (MON), em Curitiba, recebe hoje (11) mais uma remessa de obras de arte apreendidas durante a Operação Lava Jato. De acordo com a Polícia Federal, 22 peças serão entregues ao museu, que já abriga obras apreendidas com o empresário Zwi Skornicki e a doleira Nelma Kodama, dois investigados na Lava Jato.

Em março, o juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Lava Jata na primeira instância, autorizou que as 131 obras de arte apreendidas na casa do ex-diretor de Serviços da Petrobras Renato Duque fossem transferidas para o Museu Oscar Niemeyer. Para Moro, as obras podem garantir o ressarcimento pelos crimes cometidos pelo ex-diretor.

As obras foram transportadas do Rio de Janeiro para Curitiba por uma empresa especializada e ficarão sob custódia do museu. Do acervo de obras apreendidas constam quadros de Salvador Dalí, Romero Britto, Aldemir Martins e Claudio Tozzi.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".