Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quinta, 15 de novembro de 2018

Crime ambiental

Pecuarista é multada em R$ 10 mil devido a degradações por voçorocas em fazenda

Erosões atingiram o lençol freático em fazenda próxima a Naviraí

29 JUL 2017Por GLAUCEA VACCARI14h:32

Pecuarista de 39 anos foi multada em R$ 10 mil por conta de existência de voçorocas na fazenda, localizada a 25 km de Naviraí, à margem da MS-485. Na quinta-feira (27), outro proprietário rural do município foi multado em R$ 15 mil pelo mesmo crime ambiental.

Durante fiscalização, Polícia Militar Ambiental (PMA) constatou a degradação ambiental. Erosões eram profundas e atingindo o lençol freático, havendo carregamento de sedimentos para um curso s'água que corta a propriedade.

Processos erosivos surgiram devido à remoção da vegetação, sem ações de conservação no solo, que são obrigatórias, por lei, nas intervenções feitas para a produção em propriedades rurais.

Políciais ambientais determinaram a interdição da área, para proteção e recuperação, e proibiram atividades agrícolas e pecuárias.

Mulher foi multada, autuada administrativamente e notificada a apresentar projeto de recuperação da área degradada e alterada (Prada) junto ao órgão ambiental.

Ela também poderá responder pelo crime ambiental, com pena prevista de um a quatro anos de reclusão.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também