quarta, 18 de julho de 2018

Nova Alvorada do Sul

Pai e filho são presos por matar homem a pauladas e esconder corpo

Crime ocorreu no dia 5 de julho em Nova Alvorada e suspeitos estavam foragidos

6 AGO 2015Por Glaucea Vaccari16h:54

Arnaldo Donizeti dos Martyres, 52 anos, e seu filho Marlon Henrique Espíndola dos Martyres, 19 anos, foram presos por suspeita de matar e ocultar o corpo de Valdivino Soares Mendonça, em Nova Alvorada do Sul, distante 120 km de Campo Grande. O crime aconteceu no dia 5 de julho e os suspeitos foram apresentados nesta quinta-feira (6).

O corpo da vítima foi encontrado em uma madeireira abandonada no Centro do município. Ele apresentava ferimentos no rosto e estava escondido sob madeirite e metal próximo a um matagal.

De acordo com a Polícia Civil, os suspeitos usavam a madeireira abandonada para passar a noite e ingerir bebidas alcoólicas com amigos. No dia do crime, a vítima bebia junto com os suspeitos e, em determinado momento, a namorada de Marlon teria dito ao suspeito que a vítima passou a mão em seu corpo.

Diante da informação, pai e filho começaram a agredir a vítima com diversas pauladas até a morte. Em seguida, arrastaram para fora do imóvel e o ocultaram sob escombros de metal para não serem descobertos.

Os suspeitos tiveram a prisão preventiva decretada pela Justiça e foram presos em Rio Brilhante e Dourados, respectivamente. Eles vão responder pelos crimes de homicídio qualificado e ocultação de cadáver.

A polícia continua as investigações para apurar a responsabilidade das outras pessoas que frequentavam o local.

 

Leia Também