Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

35 EM 2018

Número de mortes na BR-163 cai 45% em um ano, aponta CCR MSVia

Foram registradas 35 mortes em 2018, e 64 em 2017
12/09/2019 14:42 - ADRIEL MATTOS


 

O número de mortes em acidentes na rodovia BR-163, em Mato Grosso do Sul, caiu 45% em um ano, segundo dados da CCR MSVia, concessionária que administra a via. Em 2018, 35 pessoas vieram a óbito, enquanto houve 64 mortes no ano de 2017.

Nos meses de janeiro, abril e maio de 2018, não foram registrados óbitos na via. Por outro lado, setembro foi o período com o maior número de vítimas fatais: oito. Em 2017, março foi o mês com mais mortes: 12.

Quanto aos acidentes, houve queda de 7%. Em 2018, a concessionária registrou 1,3 mil acidentes, e em 2017, 1,5 mil ocorrências. A maioria, no ano passado, foi colisão traseira (208) e atropelamento de animal (200); assim como em 2017, com 237 colisões traseiras e 202 atropelamentos de animal.

Em média, 122,2 mil veículos passaram diariamente pela rodovia, em 2018, nas nove praças de pedágio: Mundo Novo, Itaquiraí, Caarapó, Rio Brilhante, Campo Grande, Jaraguari, São Gabriel do Oeste, Rio Verde de Mato Grosso e Pedro Gomes.

Felpuda


Engana-se quem acha que diminuiu a voracidade de ter fatia de cobiçado bolo por parte de “quem manda”. O recuo realmente houve, mas só por enquanto e por uma questão de estratégia, até porque, nas primeiras investidas, as portas não se abriram. E continuam fechadas. Mas quem conhece bem a dita figurinha aposta que ela não desistirá até encontrar, digamos,  um “chaveiro amigo”. Essa gente não sossega nem diante da pandemia... Afe!