Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

CENSO

Em um ano, Mato Grosso do Sul ganha 30 mil novos habitantes

Segundo dados do IBGE, Estado tem crescimento maior que o nacional

4 SET 2017Por Izabela Jornada11h:55

Média de crescimento de habitantes do Mato Grosso do Sul é maior que a nacional, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em um ano, 30 mil novas pessoas escolheram Mato Grosso do Sul para morar. Números atualizados mostram que a população do Estado chegou a 2,713 milhões de habitantes em 2017.

O município de Sidrolândia é o que mais se destaca em crescimento populacional. Os dados mostram que de 2016 para 2017, a cidade ganhou 1600 novos moradores.

A localização privilegiada, a 70 km da Capital, e a chegada de indústrias de médio e grande porte favoreceram esse crescimento.

DESTAQUES

Outras cidades que se destacam são: Ponta Porã que viu a população crescer em 1.428 novos habitantes e Maracaju que ganhou 952 moradores em um ano.

Entre as pequenas, Nova Alvorada do Sul aumentou em 555 habitantes sua população e Terenos em 468 moradores.

Sidrolândia é a quarta do Estado em termos habitacionais, perdendo para Campo Grande, Dourados e Três Lagoas. As três primeiras cidades concentram os maiores Produto Interno Bruto (PIB) de Mato Grosso do Sul, mostrando que o nível de atividade econômica é responsável, em outras coisas,  por atrair novos habitantes.

Por ser Capital, Campo Grande é a primeira no ranking de crescimento populacional, com 10.228 novos moradores em um ano. Seguida por Dourados, com 2.583 novos e Três Lagoas com 1.916 residentes a mais de 2016 para 2017.

O crescimento da população de um ano para outro indica que pessoas estão em busca de novas oportunidades no Estado.

Entretanto, o destaque negativo de redução da população ficou para Novo Horizonte do Sul, com redução absoluta de 767 habitantes, o que em termos relativos representou queda de 15,53% de 2016 para 2017.

Leia Também