Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

INVESTIGAÇÃO EM SIGILO

Nove são presos por suspeita de envolvimento com furto de cocaína em delegacia

Corregedoria da Polícia Civil investiga o caso, que está sob sigilo

18 JUN 19 - 18h:41GLAUCEA VACCARI

Nove pessoas, sendo duas mulheres e sete homens, foram presos por suspeita de envolvimento com o furto de 100 quilos de cocaína que estavam apreendidos na 1ª Delegacia de Polícia Civil de Aquidauana. O furto ocorreu no dia 10 de junho e a investigação, a cargo da Corregedoria, segue sob sigilo.

De acordo com informações da assessoria de imprensa da Polícia Civil, uma das mulheres presas é advogada, que teria passado informações para traficantes cometerem o crime.

Além disso, dos presos, a outra mulher conseguiu prisão domiciliar e deve permanecer em Aquidauana, enquanto os demais serão transferidos para Campo Grande ainda na noite de hoje e devem, inicialmente, ficar na Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Bancos, Assaltos e Sequestros (Garras).

No Diário Oficial do Estado de segunda-feira (17), Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública anunciou a transferência dos dois principais delegados da cidade. Delegado-geral responsável pela região, Evandro Luiz Banheti Corredato, assumirá a mesma função em Campo Grande,enquanto o titular do 1º DP, Eder Oliveira Moraes, atuará agora em Selvíria. Seu lugar será ocupado pelo até então adjunto, Wilkson Vasco Francisco Lima.

Oficialmente, a Sejusp não confirmou se as transferências estariam efetivamente ligadas ao furto da droga, mas o Correio apurou que teria sido um pedido da Corregedoria da Polícia Civil.

O CASO

No dia 10 de junho, 100 quilos de cocaína que estavam apreendidos dentro do 1º DP de Aquidauana foram furtados. Segundo a Polícia Civil, o furto ocorreu por meio da escalada do muro da delegacia e arrombamento de uma janela do local

Ainda conforme informado pela polícia, investigadores do local notaram o desaparecimento da droga e, de imediato, foram tomadas medidas para investigação do caso, incluindo a comunicação da própria Corregedoria, além do Poder Judiciário e Ministério Público Estadual.

"Caso se confirme qualquer colaboração por parte de policiais civis na prática delituosa, serão instaurados procedimentos administrativos conforme previsão na legislação vigente", diz a nota publicada no site oficial da PC.

Alegando motivos de segurança, a Polícia Civil ainda completou que não passará mais informações sobre o ocorrido. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Motoqueiro invade contramão <br>e morre após bater em caminhão
ACIDENTE

Motoqueiro invade contramão e morre ao bater em caminhão

Polícia apreende mais de uma tonelada de maconha em caminhão
MOTORISTA PRESO

Polícia apreende uma tonelada de maconha em caminhão

Bancada federal garante recursos<br> para recuperar rodovia
RODOVIA MS

MS receberá R$ 20 milhões para recuperar BR-267

Professores têm até amanhã para se candidatarem a fiscais do Enem
ATIVIDADE REMUNERADA

Inscrições para fiscal do Enem terminam amanhã

Mais Lidas