Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

DIVERSAS ESPECIALIDADES

Nova edição da Caravana da Saúde vai focar em cirurgias eletivas

Governo destinou R$ 5,5 milhões para procedimentos

6 OUT 19 - 15h:19DA REDAÇÃO

A próxima edição da Caravana da Saúde, ação que regionaliza serviços de saúde por todo o estado de Mato Grosso do Sul, deve focar em cirurgias eletivas. A Secretaria de Estado de Saúde (SES) vai atender pacientes, entre outubro e dezembro, que aguardam por cirurgias eletivas, aquelas que são agendadas e não possuem caráter de urgência. 

O governo destinou R$ 5,5 milhões para a realização dos procedimentos cirúrgicos que vão acontecer nos hospitais que aderiram à ação. Serão realizadas intervenções nas especialidades de cirurgia vascular, ginecologia, urologia, otorrinolaringologia, traumato-ortopedia e cirurgias gerais (abdominal, trauma e videolaroscopia).

Nos meses de junho e julho deste ano, a Caravana da Saúde, que aconteceu no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul Rosa Pedrossian, realizou 3.883 cirurgias (2.696 catarata, 234 pterígio e 953 yag laser), superando a expectativa da ação que era de 2 mil inicialmente.  A quantidade de exames e consultas também superaram as expectativas. Foram realizadas mais de 10 mil consultas e mais de 45 mil exames.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Para evitar transferência, Name alega precisar de ajuda em tudo
DESESPERO

Para evitar transferência, Name alega precisar de ajuda em tudo

Prevenção contra incêndio é cinco vezes mais cara em MS
EXIGÊNCIAS

Prevenção contra incêndio
é cinco vezes mais cara em MS

Semana começa com previsão de chuva para MS
TEMPO

Semana começa com previsão de chuva para MS

Músicos homenageiam cantor Ivo de Souza em funeral; veja o vídeo
LUTO

Músicos homenageiam cantor Ivo de Souza em funeral; veja o vídeo

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião