CAMPO GRANDE

Mulher é estrangulada com lençol em condomínio

Crime foi avisado pela filha da vítima, de 14 anos
11/06/2019 09:16 - RAFAEL RIBEIRO


 

Uma mulher que ainda não teve a identidade revelada foi encontrada morta em um condominio residencial do Jardim Campo Nobre, região sul de Campo Grande, na manhã desta terça-feira (11). Ela foi estrangulada com um lençol, segundo a perícia.

Segundo a Polícia Militar, o homem suspeito pelo crime já foi identificado e equipes ainda tentavam localizá-lo até a publicação desta reportagem. Sua identidade é mantida em sigilo.

De acordo com o apurado pelo Correio, nenhuma hipótese é descartada. O corpo da vítima foi encontrado amarrado em cima da cama, com parte de suas roupas abaixadas. É um indício de que ela possa ter reagido ao que pode ser uma tentativa de estupro.

Foi a filha da vítima, de 14 anos, quem alertou vizinhos do crime. Ela apresentava ferimentos no rostos quando pediu ajuda. Em estado de choque, a garota recebeu atendimento médico e está na Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher, na região oeste, onde o caso está sendo registrado.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".