Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

HOMICÍDIO

Mulher é atingida com tiro nas costas e morre horas depois em hospital

Suspeito pelo crime é dono de bar e disse ter atirado por engano

31 MAI 2017Por MARESSA MENDONÇA10h:35

Mulher de 48 anos foi baleada e morreu na madrugada de hoje em hospital de Bonito. O suspeito pelo crime, identificado apenas como João, disse ter atirado em Vânia Garcete Duarte por engano. Ele ainda não foi preso.

Segundo informações do boletim de ocorrência, Vânia foi levada para o hospital com ferimento nas costas.

O homem que a socorreu contou à polícia que, por volta das 22h de terça-feira (30), estava na chácara, quando João chegou e pediu para ele levar a vítima até o hospital.

Ainda segundo o relato, João é dono de bar na Rodovia Transpantaneira, distante 45 quilômetros da cidade, e teria dito que disparou por engano.

Vânia morreu às 2h30min. Ainda não há informações sobre o calibre da arma usada no crime ou a localização do suspeito.

O caso foi registrado como homicídio simples e será investigado.

Leia Também