Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Fora da realidade

MS precisa triplicar vagas para atender à demanda por presídios

Além de deficit de 8,3 mil vagas, MS tem 11,8 mil criminosos a serem presos

8 SET 17 - 07h:00DA REDAÇÃO

Mato Grosso do Sul precisa, praticamente, triplicar o número de vagas em seus presídios para atender à demanda. A considerar a superlotação observada nos estabelecimentos penais do Estado, hoje o deficit passa de 8,3 mil vagas  e ainda há 11,8 mil criminosos nas ruas, com mandados de prisão a serem cumpridos.

Mesmo que houvesse um esforço da polícia para o cumprimento de todas essas ordens de captura em aberto, o sistema penitenciário não teria onde custodiar os novos detentos.

O último levantamento da Agência Estadual de Administração Penitenciária (Agepen)  indica que Mato Grosso do Sul tem 15.645 detentos nos três regimes prisionais (fechado, semiaberto e aberto), apesar de o número de vagas ser de apenas 7.327, abrigando uma população de 8.318 internos além da capacidade instalada. 

Para agravar o cenário de perspectivas, o Banco Nacional de Mandados de Prisão (BNMP), do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), aponta que Mato Grosso do Sul tem 11.892  mandados de prisão aguardando cumprimento. Há também o registro de 2.157 mandados já com o prazo de validade expirado.

*Confira a reportagem completa, de Thiago Gomes, na edição de hoje do Correio do Estado. 

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Júri condena dois acusados de atacar judeus em 2005 em Porto Alegre
BRASIL

Júri condena dois acusados de atacar judeus em 2005 em Porto Alegre

BRASIL

Brumadinho: sobe para 212 o número de mortos identificados em tragédia

BRASIL

Caminhoneiros se mobilizam para nova paralisação, mostra monitoramento

BRASIL

Líder rural é assassinada a facadas em assentamento no Pará

Mais Lidas