Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PRIVATIZAÇÃO

MS-306 vai a leilão na quinta e obras podem começar em fevereiro

Pregão de concessão da rodovia à iniciativa privada será na Bolsa de Valores de SP
04/12/2019 18:03 - GLAUCEA VACCARI


 

Abertura do leilão da concessão à iniciativa privada da MS-306 será aberta nesta quinta-feira (5), na Bolsa de Valores de São Paulo. Governador Reinaldo Azambuja (PSDB) afirmou hoje que irá acompanhar o pregão e, se houver sucesso, expectativa é de que até fevereiro de 2020 o contrato com a empresa vencedora seja assinado e as obras tenham início.

A rodovia de 220 quilômetros, situada entre a divisa com Mato Grosso e Cassilândia, na região noroeste de Mato Grosso do Sul, é a primeira estadual a ser privatizada. Pela MS–306, o fluxo de veículos é de 80% de caminhões, a maioria dos estados de Mato Grosso, Goiás e Minas Gerais.

Segundo Azambuja, nos próximos cinco anos, serão investidos R$ 1,7 bilhão na rodovia. Ele afirma que a concessão irá abrir caminho para a privatização de outras rodovias e também para Parcerias Público-Privadas (PPPs).

“Estamos extremamente otimistas.Que a gente possa ter sucesso. Primeiro, de poder transferir à iniciativa privada aquela rodovia, porque serão investimentos diretamente de mais de R$ 1 bilhão em uma rodovia, toda ela modernizada, melhorar segurança, melhoria de tráfego e principalmente o ir e vir das pessoas”, disse o governador

OBRAS

Conforme o projeto, as principais obras a serem executadas na MS-306 e BR-359, no trecho divisa entre Mato Grosso e Cassilândia, são:

- Implantação do acostamento ao longo de toda a rodovia;
- Construção de terceira faixa em segmentos críticos;
- Adequação das interseções existentes e construção no novas rotatórias;
- Implantação de retornos e adequação de pontes e viadutos;
- Melhorias na travessia urbana do Município de Chapadão do Sul, com o prolongamento das vias marginais, recapeamento viário, modernização da iluminação pública, redimensionamento de drenagem e reordenamento do sistema viário local.

Entre os serviços a serem oferecidos ao usuário estão socorro mecânica, com quatro guinchos; socorro médico, com três ambulâncias de atendimento de emergência e pré-hospitalares; um veículo para inspeção para controle do tráfego e verificação de condições de segurança da rodovia; um caminhão-pipa para combate a incêndios; caminhão multiuso adaptado para apreensão de animais e desobstrução de pista; três postos de atendimento ao usuário; Centro de Controle de Operações (CCO), com atendimento 24 horas, oito painéis de mensagens, sistema de controle de velocidade com sete radares fixos, sistema móvel de pesagem de veículos, sistema de análise de tráfego e sistema de comunicação com os usuários. 

Felpuda


Mensagens trocadas por aí mostram que deverá “virar moda” políticos anunciarem que testaram positivo para a Covid-19. E sem medo de dizer que isso é porque o presidente Jair Bolsonaro anunciou ter sido infectado, e aí essa tchurminha estaria interessada também em ganhar holofotes. Porém, ressaltam que, como não se pode duvidar de coisa séria, o jeito é desejar “restabelecimento”. E não deixam de lembrar que o risco é a população descobrir que não fazem a menor falta. Essa gente...