Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

Acordo

Ministério Público intercede e UFMS revisará vagas para cotistas em concurso

Instituição prevê a contratação de 83 novos técnicos administrativos

5 OUT 2017Por Eduardo Miranda08h:32

Ministério Público Federal e Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) chegaram a acordo para estipular o número de vagas para cotistas no concurso aberto pela instituição, que prevê a contratação de 83 novos técnicos administrativos. O critério para a definição das cotas raciais e para deficientes será a quantidade de vagas para cada cargo em todo o certame, e não somente o número de vagas por campus da instituição. 

Um dos exemplos é o cargo de Auxiliar de Administração, que conforme o edital de abertura do concurso, destina 11 vagas para ampla concorrência nos municípios de Aquidauana (1 vaga), Campo Grande (2), Chapadão do Sul (1), Corumbá (1), Coxim (1), Naviraí (1), Nova Andradina (1), Paranaíba (1), Ponta Porã (1) e Três Lagoas (1), sem reserva para cotistas. Agora, a universidade deverá reservar vagas especiais para este cargo. 

INSCRIÇÕES
Por enquanto, a abertura do período de inscrição para o concurso continua agendado para esta sexta-feira (6), a partir das 8h. O prazo encerra-se no próximo dia 3 de novembro, às 23h59mim. 

Neste conturbado processo seletivo, além do recente impasse envolvendo a reserva da vagas para cotistas, e dois adiamentos do a abertura do período de inscrições, também houve alteração de conteúdo programático. 

Serão 83 vagas, para cargos em três faixas salariais: R$ 1.945,07, R$ 2.446,96 e : R$ 4.180,66. Todas com auxílio alimentação de R$ 458. 

O custo para participar do concurso varia conforme a faixa salarial desejada e é proporcional ao valor da renda inicial. As taxas são de R$ 100, R$ 125 e R$ 150.  Há vagas para todas as unidades da universidade, na capital e no interior do Estado. 

CARGOS
Os cargos de nível médio são assistente de tecnologia da informação, assistente em administração, técnico de laboratório (biologia/física/química), técnico de tecnologia da informação, em contabilidade, edificações, eletromecânica, enfermagem, prótese dentária, tradutor e intérprete de linguagem de sinais.

Para o nível superior (faixa salarial de R$ 4,1 mil), as vagas são para analista de tecnologia da informação, arquiteto e urbanista, assistente social, contador, odontólogo, psicólogo, técnico em assuntos educacionais, médico, médico do trabalho e médico-veterinário. 

Leia Também