Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 11 de dezembro de 2018

CASO ABUCHAIM

MPE denuncia principal suspeita de matar advogado depois de novo depoimento

Mulher revelou a participação de um homem no crime

7 DEZ 2018Por FÁBIO ORUÊ18h:30

Ministério Público Estadual (MPE) ofereceu denúncia contra Fernanda Aparecida da Silva Sylvério, a principal suspeita de assassinar o advogado e ex-superintendente de Gestão de Informação do Governo de Mato Grosso do Sul, Daniel Nantes Abuchaim, por homicídio qualificado por dissimulação e recurso que impossibilitou a defesa da vítima, depois da suspeita mudar a versão de crime passional e admitir à Polícia Civil que teve a ajuda de um homem responsável pela execução e destinação do corpo.

Conforme inquérito policial, nas últimas entrevistas, Fernanda passou a dizer que apenas atraiu a vítima para o motel e que um homem, cuja a identidade não foi divulgada, torturou Abuchaim no quarto do motel, ferindo-o com várias facadas e exigindo que lhe entregasse certas informações. Em seguida, o matou quebrando o pescoço (trauma raquimedular).

A Justiça marcou a primeira audiência do caso, para a próxima quarta-feira (12), na 2ª Vara do Tribunal do Júri, às 13h30.

Daniel foi encontrado morto no início da tarde do último dia 19 de novembro, nu, nas proximidades da Uniderp Agrária, região do Parque dos Poderes.

A mulher havia alegado, inicialmente, que o matou sozinha por vingança, pois ela e sua namorada vinham sendo assediadas constantemente por ele. Na ocasião, Fernanda combinou encontro, foi com ele a um motel no Jardim Noroeste e lá o assassinou, versão desmentida pela mesma.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também