Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, sexta, 18 de janeiro de 2019

Marcos Pontes defende maior participação de empresas na ciência do país

2 JAN 2019Por FOLHAPRESS19h:15

O novo ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), o astronauta Marcos Cesar Pontes, defendeu maior participação da iniciativa privada no financiamento da ciência nacional e disse querer aumentar a cooperação com outras pastas.

Em coletiva realizada antes da cerimônia de transmissão de cargo, Pontes disse que estão sendo estudados modelos de parcerias hoje existentes no país para incentivar empresas a investirem em projetos científicos.

"Temos olhado os centros de inovação, os parques tecnológicos e as incubadoras existentes em todo o Brasil para criar um modelo que possa ser replicado em todo o país."

Pontes enfatizou a importância da parceria com outros ministérios. "Tem ciência na saúde, na agricultura, na indústria, na segurança etc. Nós podemos ajudar, por exemplo, em projetos de saneamento".

O novo ministro também ressaltou a importância de levar a ciência e tecnologia para os mais jovens, a fim de promover a carreira e incentivar a formação de novos profissionais. "Pretendemos, em parceria com o Ministério da Educação, levar esses temas para a garotada das escolas".

Na área de pesquisa, Pontes afirmou que buscará valorizar a carreira do pesquisador e melhor a infraestrutura existentes. "Com isso, queremos motivar nossos pesquisadores a permanecer no Brasil".

Em seu discurso de posse, marcado por uma fala motivacional-patriótica, Pontes relembrou o seu voo para o espaço, no dia 29 de março de 2006, dizendo que as pessoas não podem deixar o medo vencer.

"Cada vez que eu sentia medo naquela época, eu passava a mão na bandeira do Brasil que havia no meu macacão e falava pra mim: 'eu não estou sozinho, estão todos comigo'. É mais ou menos como eu me sinto hoje. Cada um, indo junto conosco para construir o país que a gente quer."

Pontes, que afirmou ser também coach, arrematou então: "o mais importante não é o tamanho do desafio, mas como você encara esse desafio".

O novo ministro também reafirmou os pilares de suas gestão: gerar conhecimento, produzir riquezas e melhorar a qualidade de vida da população.

Ao final da transmissão do cargo, Pontes anunciou o seu secretariado.

A nova equipe do MCTIC é formada por Julio Semeghini (Secretaria-Executiva), Marcelo Marcos Morales (Secretaria de Pesquisa e Inovação), Paulo César Rezende de Carvalho Alvim  (Secretaria de Empreendendorismo e Inovação), Antônio Franciscangelis Neto (Secretaria de Planejamento, Cooperação, Projetos e Controle), Eli Chaves Gurgel do Amaral (secretaria de Radiodifusao),Vitor Elisio Góes de Oliveira Menezes (Secretaria de Telecomunicações). 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também