Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

ampliar investimento

Maioria das cidades de MS decide não aumentar recursos para a infância

Programa para aumentar investimentos atingiu 32 municípios

17 AGO 17 - 19h:43RODOLFO CÉSAR

Menos da metade das prefeituras de Mato Grosso do Sul decidiram aderir a proposta de ampliar investimentos para políticas que envolvem a infância e adolescência. O projeto envolve participar do programa Prefeito Amigo da Criança, que é organizado pela Fundação Abrinq.

Balanço divulgado hoje informou que 32 municípios do Estado, dos 79 existentes (40,5%), entraram na 6ª edição do programa, que foi criado em 1996. O governo de Mato Grosso do Sul apoiou o trabalho da entidade. Não foram divulgados os nomes das cidades.

"A principal estratégia é o fortalecimento ou desenvolvimento das capacidades locais dos municípios em temas de planejamento, investimento, saúde, educação, proteção social e fortalecimento dos conselhos", informou nota oficial.

A fundação acompanha o desenvolvimento de políticas ao longo de quatro anos do mandato e ainda oferece suporte técnico. São feitos relatórios de recomendações e cadernos temáticos, além da promoção de seminários regionais. 

Para auxiliar nesse processo é definido um articulador municipal, coordenador de informações e há também envolvimento do presidente do conselho municipal dos direitos da criança e do adolescente.

Há também agendas programadas que precisam ser cumpridas pelos prefeitos. Na gestão pública, deve ser desenvolvido processos intersetoriais para formar a política pública que leva ao Plano Municipal para a Infância e Adolescência, além de previsão de gastos para a área. Com relação à questão social, levantamento tenta identificar e oferecer um diagnóstico do cenário da infância.

Os recordes de adesão foram em Roraime e Amapá, onde em torno de 70% dos municípios passaram a integrar a rede.

“Alcançamos o recorde de adesões em 21 anos do programa, em um contexto de crises econômica, política e institucional", comentou Denise Cesario, gerente executiva da Fundação Abrinq. A entidade é uma organização sem fins lucrativos, fundada em 1990.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

OAB recomenda que Assembleia siga trâmite da PEC da reforma da Previdência
MATO GROSSO DO SUL

OAB recomenda que Alems siga trâmite da reforma da Previdência

Homem morre após ser atropelado e motorista foge em cidade de MS
INTERIOR

Homem morre após ser atropelado e motorista foge

Dos 79 municípios de MS, 75  enfrentam epidemia de dengue
BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO

Dos 79 municípios de MS, 75 enfrentam epidemia de dengue

Mega-Sena pode pagar hoje R$ 31 milhões
LOTERIA

Mega-Sena pode pagar hoje R$ 31 milhões

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião