Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

VILA MARLI

Mãe ameaça filho de morte com<br> faca e exige R$ 500 reais

Irmão evitou que agressão fosse consumada
13/07/2019 13:49 - ALINE OLIVEIRA


 

Uma briga entre mãe e filho, na noite de sexta-feira (12) quase terminou em tragédia na Vila Marli. A vítima, um homem de 26 anos conta que sempre teve um relacionamento conturbado com a genitora, 44 anos, mas, nunca de forma tão agressiva. 

Ele relatou aos policiais que os dois discutiram sobre um antigo relacionamento amoroso da mãe, que por essa razão se descontrolou e passou a fazer ameaçadas de morte e agredir o filho com tapas no rosto e mordidas no peito. 

A mulher pegou uma faca para ferir a vítima e foi contida pelo irmão que foi testemunha da agressão. Durante o depoimento na Delegacia de Pronto Atendimento (Depac Centro), o filho apresentou uma gravação na qual a genitora dizia que queria R$ 500 reais, caso contrário iria matá-lo. 

NA DELEGACIA

Encaminhados para a Depac Centro, a mulher começou a ofender os policiais com termos de baixo calão e em seguida, voltou a proferir ameaças contra os dois filhos.

Apesar das agressões, o filho disse que não queria representar criminalmente contra a genitora, pois, ela sofre de transtorno de bipolaridade e toma remédios controlados. 

 

Felpuda


Dez vereadores da Capital mudaram de partido na tentativa de encarar a reeleição ou, dependendo do caso, disputar a vaga de vice-prefeito. Legendas foram “engordadas”, outras entraram em estado de inanição e outras ainda simplesmente sumiram do mapa. Que ninguém ouse perguntar a quem “trocou de camisa” qual a linha programática dos partidos em que agora estão filiados. Seria para eles, digamos, questão de pouca importância. Política tem dessas coisas...