ACABOU PRESO

Ladrão leva R$ 80 mil em joias após invadir casa

Acusado acabou identificado e preso pela Polícia Civil
22/08/2019 10:59 - RAFAEL RIBEIRO


O Setor de Investigações Gerais da 1ª Delegacia de Polícia de Paranaíba, em ação conjunta com a Delegacia da Mulher de Paranaíba, realizou a prisão em flagrante de um homem de 34 anos, na manhã de quarta-feira (21), após um furto de R$ 80 mil em joias ocorrido durante a madrugada, em uma residência.

A vítima relatou que está em visita na casa e que durante a madrugada teria ouvido um barulho e notado a presença de uma mulher no local. Ao questioná-la sobre o motivo de sua presença, a mesma teria saído. Após realizar uma vistoria no local, a vítima identificou que o cadeado do portão havia sido estourado, suas bolsas estavam abertas e que haviam sido furtados vários objetos e pertences.

Após tomarem conhecimento do crime, agentes da Polícia Civil dirigiram-se ao local, onde conseguiram identificar a autora do delito por meio de câmeras do circuito interno de segurança. Em seguida empreenderam diligência, conseguindo prender a autora em posse de parte dos bens furtados.

Em interrogatório, o acusado confessou a quem havia vendido as joias remanescentes, que também foram recuperadas.

Todos os objetos foram apreendidos e entregues a vítima.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".