Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Aquidauana

Jovem é esfaqueado e suspeito diz que crime foi motivado por ciúmes

Suspeito foi preso e afirmou também que vítima cometia furtos no bairro

20 AGO 17 - 10h:45GLAUCEA VACCARI

Jovem de 18 anos foi esfaqueado no abdômen, na noite de ontem, em Aquidauana. Suspeito foi preso e disse que crime foi motivado por ciúmes.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, vítima disse que estava andando na rua, na Vila Pinheiro, e que quatro rapazes armados com faca correram em sua direção.

Na tentativa de escapar, ele correu em direção a um terreno baldio, mas foi alcançado por um rapaz de 21 anos e ferido com uma perfuração no abdômen.

Vítima foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e encaminhada ao Pronto Socorro, onde ficou em observação.

Polícia Militar fez diligências e encontrou o suspeito em um local conhecido como aldeia Tico Lipú. Ao ser abordado, ele confessou o crime e disse que foi motivado por ciúmes e porque a vítima estaria cometendo furtos e roubos no bairro.

Suspeito disse ainda que jogou a faca usada no crime em um terreno baldio, mas arma não foi localizada pela polícia. Ele foi encaminhado até a Delegacia de Polícia Civil, onde foi indiciado por tentativa de homicídio.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Vacina de febre amarela será aplicada em todos os municípios de MS
IMUNIZAÇÃO

Vacina de febre amarela será aplicada em todos os municípios de MS

Minas vence o Praia Clube no tie-break e termina Mundial Feminino de vôlei em 5º
DISPUTA

Minas vence o Praia Clube no tie-break e termina Mundial Feminino de vôlei em 5º

Deputado do PT perde <br> CNH em blitz na Capital
FISCALIZAÇÃO

Deputado do PT perde
CNH em blitz na Capital

Aumento de pena pode deixar presídios de MS ainda mais cheios, avalia secretário
PACOTE ANTICRIME

Aumento de pena pode deixar presídios de MS ainda mais cheios, avalia secretário

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião