Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, domingo, 18 de novembro de 2018

dois mortos

Irmãs vítimas em acidente grave
na BR-262 são transferidas

Na colisão, morreram Maria Hermantina e Luiz Antônio

5 JUN 2017Por NATALIA YAHN18h:19

As irmãs Franciele Lopes dos Santos, 35 anos, e Flaviany Lopes dos Santos, 31 anos, foram transferidas do Hospital Municipal 19 de Março, em Ribas do Rio Pardo, para o município de Três Lagoas.

 Elas eram passageiras do veículo HB20 que colidiu frontalmente com uma caminhonete L200 na BR-262, próximo a Ribas do Rio Pardo. Franciele é esposa do militar do Corpo de Bombeiros Luiz Antônio Souza, 44 anos, que morreu após ser transferido de helicóptero do local do acidente para a Santa Casa de Campo Grande. 

 A direção do hospital não informou para qual unidade de saúde as duas - uma delas com fratura na perna e a outra no ombro - foram encaminhadas. Porém remoção aconteceu em ambulância particular, pois as duas possuem plano de saúde.

A mãe delas, Maria Hermantina Lopes dos Santos, 68 anos, morreu no acidente e o corpo dela foi transportado para o Instituto Médico e Odontológico Legal (Imol), na Capital. 

O quinto ocupante do veículo, Marlan João da Silva, foi transferido para a Santa Casa após receber os primeiros socorros em Ribas do Rio Pardo.

O hospital informou que ele está na ala verde do atendimento de Urgência e Emergência. Silva fez diversos exames de raio-x, tomografia e foi avaliado por neurologista e ortopedista, está consciente e orientado.

A namorada dele o acompanha na unidade e ainda não há informações sobre o parentesco de Silva com os demais passageiros do veículo e nem se ele deverá passar por cirurgia. 

Outros três ocupantes da L200 também foram socorridos na unidade do interior, mas não foram identificados pelo Corpo de Bombeiros, pois seguiram para o local por meios próprios após o acidente. O hospital em Ribas do Rio Pardo também prestou socorro a essas vítimas, que tiveram apenas escoriações leves e já receberam alta.

ACIDENTE

Maria Hermantina Lopes dos Santos e Luiz Antônio Souza morreram em acidente de trânsito que aconteceu por volta das 8h de hoje no km 264 da BR-262, próximo a cidade de Ribas do Rio Pardo, a aproximadamente 60 quilômetros de Campo Grande. Outras sete pessoas ficaram feridas.

Segundo informações apuradas pela reportagem, acidente envolveu veículo HB20 e caminhonete Hilux. Mulher ficou presa nas ferragens e morreu no local. O bombeiro Souza morreu na Santa Casa.

Equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas e resgate contou também com apoio da helicóptero do Grupo de Patrulhamento Aéreo (GTA) da Polícia Militar.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a caminhonete L200, de propriedade de empresa do ramo de reflorestamento, seguia pela rodovia sentido Ribas do Rio Pardo / Campo Grande.

Ainda conforme a polícia, caminhonete transitava atrás de caminhão e, ao tentar ultrapassar o veículo em local permitido, colidiu de frente com o carro de passeio conduzido pelo militar dos Bombeiros e ocupado pela esposa do condutor, de 41 anos, pela sogra dele, por uma mulher e um rapaz.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também