Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

dois mortos

Irmãs vítimas em acidente grave
na BR-262 são transferidas

Na colisão, morreram Maria Hermantina e Luiz Antônio

5 JUN 17 - 18h:19NATALIA YAHN

As irmãs Franciele Lopes dos Santos, 35 anos, e Flaviany Lopes dos Santos, 31 anos, foram transferidas do Hospital Municipal 19 de Março, em Ribas do Rio Pardo, para o município de Três Lagoas.

 Elas eram passageiras do veículo HB20 que colidiu frontalmente com uma caminhonete L200 na BR-262, próximo a Ribas do Rio Pardo. Franciele é esposa do militar do Corpo de Bombeiros Luiz Antônio Souza, 44 anos, que morreu após ser transferido de helicóptero do local do acidente para a Santa Casa de Campo Grande. 

 A direção do hospital não informou para qual unidade de saúde as duas - uma delas com fratura na perna e a outra no ombro - foram encaminhadas. Porém remoção aconteceu em ambulância particular, pois as duas possuem plano de saúde.

A mãe delas, Maria Hermantina Lopes dos Santos, 68 anos, morreu no acidente e o corpo dela foi transportado para o Instituto Médico e Odontológico Legal (Imol), na Capital. 

O quinto ocupante do veículo, Marlan João da Silva, foi transferido para a Santa Casa após receber os primeiros socorros em Ribas do Rio Pardo.

O hospital informou que ele está na ala verde do atendimento de Urgência e Emergência. Silva fez diversos exames de raio-x, tomografia e foi avaliado por neurologista e ortopedista, está consciente e orientado.

A namorada dele o acompanha na unidade e ainda não há informações sobre o parentesco de Silva com os demais passageiros do veículo e nem se ele deverá passar por cirurgia. 

Outros três ocupantes da L200 também foram socorridos na unidade do interior, mas não foram identificados pelo Corpo de Bombeiros, pois seguiram para o local por meios próprios após o acidente. O hospital em Ribas do Rio Pardo também prestou socorro a essas vítimas, que tiveram apenas escoriações leves e já receberam alta.

ACIDENTE

Maria Hermantina Lopes dos Santos e Luiz Antônio Souza morreram em acidente de trânsito que aconteceu por volta das 8h de hoje no km 264 da BR-262, próximo a cidade de Ribas do Rio Pardo, a aproximadamente 60 quilômetros de Campo Grande. Outras sete pessoas ficaram feridas.

Segundo informações apuradas pela reportagem, acidente envolveu veículo HB20 e caminhonete Hilux. Mulher ficou presa nas ferragens e morreu no local. O bombeiro Souza morreu na Santa Casa.

Equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas e resgate contou também com apoio da helicóptero do Grupo de Patrulhamento Aéreo (GTA) da Polícia Militar.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a caminhonete L200, de propriedade de empresa do ramo de reflorestamento, seguia pela rodovia sentido Ribas do Rio Pardo / Campo Grande.

Ainda conforme a polícia, caminhonete transitava atrás de caminhão e, ao tentar ultrapassar o veículo em local permitido, colidiu de frente com o carro de passeio conduzido pelo militar dos Bombeiros e ocupado pela esposa do condutor, de 41 anos, pela sogra dele, por uma mulher e um rapaz.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Após chuva, ônibus atola em rua não pavimentada no Cristo Redentor
ANO CHUVOSO

Após chuva, ônibus atola no Cristo Redentor

Adolescentes são apreendidos com uma tonelada de maconha em veículo
TRÁFICO DE DROGAS

Adolescentes são apreendidos com uma tonelada de maconha

MS pode ter recurso anual de R$ 200 milhões com mudança no Fundeb
EDUCAÇÃO BÁSICA

MS pode ter recurso de R$ 200 mi com mudança no Fundeb

Trad solicita ampliação do sinal de internet e telefonia móvel
MELHORIAS MS

Trad solicita ampliação do sinal de internet e telefonia móvel

Mais Lidas