Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Capital e Terenos

Investigados pela PF devem
R$ 729 milhões ao fisco federal

Valor é somatória das dívidas de frigoríficos e de 4 pessoas físicas

1 AGO 17 - 05h:30DA REDAÇÃO

Os negócios envolvendo os frigoríficos ligados à família Lopes, alvo da Operação Labirinto de Creta da Polícia Federal, desencadeada na sexta-feira (28/8), têm dívida de R$ 729,4 milhões com o fisco federal.

O valor leva em consideração débitos com a fazenda nacional, a Previdência Social e o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) em dívida ativa e estão em lista da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN). 

Na operação da Polícia Federal deflagrada na semana passada, o valor do prejuízo das atividades investigadas envolvendo as empresas Frigolop, Frizelo, Frigorífico Peri, Peri Alimentos, Translop, L.P.X. Agroindustrial, J.C.G. Participações, FP3 Investimentos, A.G.L. Agroindustrial, GF Transporte e Representação de Bovinos, A&C Transportes e Comércio e Representação de Bovinos chegou a R$ 350 milhões. 

Esse levantamento mais recente na lista da PGFN, contudo, leva em consideração a dívida das pessoas jurídicas e físicas dos envolvidos com essas empresas.

Só o Frigorífico Peri, por exemplo, deve R$ 154,9 milhões ao fisco. A Peri Alimentos, empresa criada após a dívida milionária do frigorífico ser cobrada, já deve R$ 150,7 milhões à Fazenda Nacional. 

*Leia reportagem, de Eduardo Miranda, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Vacina de febre amarela será aplicada em todos os municípios de MS
IMUNIZAÇÃO

Vacina de febre amarela será aplicada em todos os municípios de MS

Minas vence o Praia Clube no tie-break e termina Mundial Feminino de vôlei em 5º
DISPUTA

Minas vence o Praia Clube no tie-break e termina Mundial Feminino de vôlei em 5º

Deputado do PT perde <br> CNH em blitz na Capital
FISCALIZAÇÃO

Deputado do PT perde
CNH em blitz na Capital

Aumento de pena pode deixar presídios de MS ainda mais cheios, avalia secretário
PACOTE ANTICRIME

Aumento de pena pode deixar presídios de MS ainda mais cheios, avalia secretário

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião