Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 14 de novembro de 2018

FALHA NA SEGURANÇA

Infraero admite falha ao deixar homens armados entrar no Aeroporto de Corumbá

Vídeo motivou abertura de investigação pela Polícia Federal

3 SET 2018Por IZABELA JORNADA E MARESSA MENDONÇA12h:12

A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) enviou nota assumindo erro no caso em que homens entraram armados no Aeroporto Internacional de Corumbá. “A falha apontada será corrigida”, diz uma parte da nota. A assessoria não informou sobre a data em que as imagens que mostram a irregularidade foram feitas.

A Infraero esclareceu também que vai acionar a Polícia Federal (PF) para auxiliar na apuração do fato em questão. “Ao mesmo tempo a administração do Aeroporto Internacional de Corumbá destaca que os procedimentos de segurança vigentes seguem as normas da aviação civil”, justificou. 

A superintendência da PF em Mato Grosso do Sul divulgou, por meio de nota, que está apurando a falha no procedimento de segurança, “junto a Infraero, que permitiu a ocorrência”. Ainda segundo a PF, “será instaurada uma investigação para identificação daqueles que perpetraram a ação, visto não terem realizado quaisquer procedimentos legais pertinentes ao embarque armado em aeronave”, diz parte da nota.

O CASO

Homens que conseguiram entrar armados no Aeroporto de Corumbá gravaram vídeo e divulgaram nas redes sociais. As imagens foram o suficiente para abertura de investigação pela PF.

No momento em que os homens armados passam pela barreira de detector de metais, o alarme foi acionado e apitou, emitindo alto som por vários segundos, mas nenhum funcionário apareceu no local e os homens conseguiram seguir em frente. Eles passaram pela barreira, armados, e se acomodaram na sala de embarque.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também