Campo Grande - MS, quinta, 16 de agosto de 2018

EM COXIM

Homem que invadiu casa e agrediu agente penitenciário foi preso

Paulo do Nascimento Silva tinha quatro mandados de prisão em aberto

25 SET 2017Por Izabela Jornada18h:20

Homem que invadiu casa e agrediu agente penitenciário em Coxim foi preso após denúncia anônima. Paulo do Nascimento Silva, 38 anos estava com quatro mandados de prisão em aberto por ter praticado roubos em Campo Grande. 

Sem saber que se tratava do bandido que invadiu casa de agente penitenciário, no último dia 09 de setembro, Polícia Civil, com ajuda da Rotai (Rondas Ostensivas e Táticas do Interior) prendeu Paulo após ser denunciado no 190. Ele foi preso na Silvolândia, distrito de Coxim, no sábado (23).

Enquanto era levado para a delegacia, nova denúncia chegou ao 190, sobre a motocicleta usada por ele, uma Honda CG Titan, remendada com pedaços de outras motocicletas. Foi neste momento em que o crime começou a ser desvendado.

Preocupado com a apreensão da moto, o criminoso contou que tinha emprestado o veículo para dois colegas cometerem crimes na cidade. Diante dessa informação, a Polícia Civil pediu que a perícia confrontasse os pneus da motocicleta com as marcas deixadas na casa do agente.

Segundo a delegada Silvia Elaine Girardi Menck, a perícia constatou que as marcas foram deixadas pelos pneus da motocicleta, principalmente o da frente, tipo biscoito. A delegada disse também que encontrou o celular do agente que havia sido levado pelo bandido, durante a invasão.

Apesar dos indícios, o suspeito nega participação no crime. Ele disse que apenas emprestou a motocicleta para os colegas Alemão e Neguim, que vieram de Campo Grande para cometer crimes em Coxim.

De acordo com a versão do bandido, depois da invasão, os colegas devolveram a motocicleta e pediram para ele colocar fogo, pois tinha dado um desacerto. Com medo, o suspeito disse que deixou a motocicleta guardada e foi para uma fazenda, na região do Jauru, onde ficou por 15 dias.

Essa versão não convenceu a polícia, que acredita que ele seja o piloto da motocicleta, pois as características batem. Agora, a vítima deve fazer o reconhecimento. 

O crime

No último dia 9, dois bandidos entraram na residência do agente penitenciário numa motocicleta, mas acabaram se desequilibrando. Ao notar que um deles estava armado, o agente segurou a mão do bandido, momento em que foram efetuados alguns disparos. Por sorte, a arma falhou.

Logo em seguida os três entraram em luta corporal, lesionando o agente, que chegou a ficar internado. Depois de agredirem o agente penitenciário, a dupla fugiu na motocicleta, de cor escura.

Leia Também