Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Flagrante

Homem é preso em blitz
depois de matar outro com
tiros no abdômen e na cabeça

3 SET 15 - 08h:31VÂNYA SANTOS

Josiel Viana da Silva, de 28 anos, foi assassinado com tiros no abdômen e na cabeça. O crime aconteceu por volta das 19h desta quarta-feira (2), na Rua Rosinha Rodrigues Cordeiro, Jardim Paraíso, em Naviraí. O autor é apontado como Valdir da Silva Gonçalves, 34 anos, que foi preso momentos depois, em uma blitz de trânsito.

Após desobedecer ordem de parada na blitz e ser perseguido, Valdir foi preso e disse que disparou dois tiros na região do abdômen de Josiel e, em seguida, se aproximou e efetuou disparou à queima roupa contra a cabeça da vítima.

Josiel foi atendido por equipe do Corpo de Bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Em seu bolso foram encontradas porções de maconha e crack.

Policiais que faziam blitz de trânsito na Avenida João Rigonatto souberam do caso de disparo de arma de fogo no Bairro Jardim Paraíso. Ao se deparar com duas pessoas em uma moto, militares deram ordem de parada aos suspeitos, que desobedeceram.

Teve perseguição e cerca de 500 metros adiante a moto apresentou problema mecânico e a dupla se desequilibrou e caiu na Rua José Damásio de Souza. Cada suspeito correu para um lodo e a polícia conseguiu prender Valdir, que deixou cair uma arma de fogo no chão.

O suspeito imediatamente confessou ter atirado contra Josiel e foi preso em flagrante. A polícia procura agora pelo comparsa de Valdir, que conseguiu fugir.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Motorista de Gol é flagrado com 345 quilos de maconha
PONTA PORÃ

Motorista de Gol é flagrado com 345 quilos de maconha

Ônibus com internos do semiaberto é flagrado com bebidas e drogas
DOURADOS

Internos do semiaberto são flagrados com bebidas e drogas

Justiça decide que 2/3 dos servidores da educação terão que trabalhar
GREVE EDUCAÇÃO

Justiça decide que 2/3 dos servidores da educação terão que trabalhar

Ministério da Saúde investiga alimentação e nutrição infantil em MS
SAÚDE PÚBLICA

Ministério da Saúde investiga nutrição infantil em MS

Mais Lidas