PORTO MURTINHO

Homem de 58 anos assassinado com golpe de canivete

Suspeito de cometer o crime teria desavenças com a vítima
04/09/2015 14:39 - NILCE LEMOS


Américo Alves Correa, 58 anos, foi assassinado na Fazenda Arancua, em Porto Murtinho, na noite desta quinta-feira (03). O suspeito de cometer o crime seria Venceslau Martins, 60 anos, que teria desavenças com a vítima.

Segundo boletim de ocorrência, duas testemunhas identificadas como Diego e Waldemar contaram a polícia que Antonio tomava banho e Waldemar alimentava os porcos quando se depararam com Américo caído no chão ensanguentado. Waldemar saiu para pedir socorro mas quando voltou a vítima já havia falecido.

A suspeita é de que Venceslau, que tinha desavença com Américo tenha cometido o crime. No local do crime a polícia encontrou um canivete e no quarto da vítima havia uma espingarda calibre .22 sem munições.

Conforme o registro, as testemunhas não ouviram disparos de arma de fogo, e disseram que depois do crime, o suspeito fugiu do local.

O corpo da vítima foi encaminhado para o IML onde passara por pericia medica. Américo apresentava um corte na região do peitoral lado esquerdo.

A polícia investiga o caso. 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".