Sábado, 26 de Maio de 2018

SOLIDARIEDADE

Grupo de voluntários percorre ruas
da Capital pedindo doações

Ação é parte de congresso promovido pela 5ª vez em Campo Grande

11 FEV 2018Por ALINE OLIVEIRA10h:40

Um grupo de 250 participantes da campanha de Fraternidade Auta de Souza (Concrafas) participa neste domingo (11), de uma caminhada em seis bairros da cidade: Mata do Jacinto, Tiradentes, Flamboyant, Arnaldo de Figueiredo, Estrela do Sul e Maria Aparecida Pedrossian, levando mensagem espírita e pedindo doações de alimentos e roupas que serão distribuídos para comunidades carentes da Capital.

A abertura do evento aconteceu na noite desse sábado (10), realizado pela 5ª vez na capital sul-mato-grossense. A cerimônia reuniu mais de duas mil pessoas na Uniderp e a programação prossegue até o dia 13 de fevereiro. No total, 16 locais receberão com práticas de atividades com temáticas voltadas para a educação, assistência e promoção social, campanha de combate às drogas e ao alcoolismo e de prevenção ao suicídio e ao aborto.

Na avaliação do presidente da 62ª Concafras, João Carlos Rosa, os registros da edição de 2018 são resultado do planejamento da organização do congresso. “As 138 cidades, 21 estados e 9 países que recebemos hoje refletem o trabalho desenvolvido nos últimos três anos, tanto aqui quanto em Uberlândia, onde acontece o mesmo evento de forma paralela. Os locais são devidamente selecionados e preparados com muita antecedência”.

Na segunda-feira (12) à tarde, os congressistas poderão colocar em prática aquilo que aprenderam nos diversos cursos oferecidos. Os voluntários estarão no centro de Campo Grande, em asilos e núcleos de trabalhos sociais já desenvolvidos na cidade para atuar com crianças, jovens, adultos e idosos em situação de vulnerabilidade.

Durante a abertura da Concafras, na noite desse sábado, a vice-governadora Rose Modesto deu as boas-vindas aos participantes destacando a importância do voluntariado. “Vocês têm chegado onde o poder público deveria chegar, mas não chega. Ao apoiar um evento como esse o Governo não está fazendo favor algum, até porque vocês têm contribuído muito mais com nós. Se o trabalho que essa instituição faz deixar de existir, os desafios seriam muito maiores em Campo Grande, no Brasil e no mundo”, afirmou.

PROGRAMAÇÃO

Hoje (11) pela manhã será realizada a Campanha de Fraternidade Auta de Souza, que dá nome ao congresso. Todos os participantes, incluindo 250 crianças, vão percorrer seis bairros da Capital (Mata do Jacinto, Tiradentes, Flamboyant, Arnaldo Figueredo, Estrela do Sul e Maria Aparecida Pedrossian) levando uma mensagem espírita e pedindo doações de alimentos e/ou roupas usadas que serão distribuídos durante o evento para comunidades carentes.

Na segunda-feira (12) à tarde, os congressistas poderão colocar em prática aquilo que aprenderam nos diversos cursos oferecidos. Os voluntários estarão no centro de Campo Grande, em asilos e núcleos de trabalhos sociais já desenvolvidos na cidade para atuar com crianças, jovens, adultos e idosos em situação de vulnerabilidade.

Serão 16 locais com práticas de atividades com temáticas voltadas para a educação, assistência e promoção social, campanha de combate às drogas e ao alcoolismo e de prevenção ao suicídio e ao aborto. O evento termina na terça-feira (13) pela manhã.

*Com informações da Assessoria de Comunicação

 

Leia Também