Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PARQUE DAS NAÇÕES INDÍGENAS

Acordo para desassorear lago deve ser assinado na próxima semana

Cronograma está sendo elaborado por técnicos da prefeitura e governo

16 ABR 19 - 18h:01LUANA RODRIGUES

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB)  afirmou hoje que deve assinar na próxima semana um acordo com a prefeitura, com objetivo de promover obras para desassorear o lago do Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande.

Conforme o governador, técnicos da prefeitura e governo estão reunidos desde a última segunda-feira (15), com o objetivo de definir um cronograma para as obras. “Estamos finalizando uma parceria entre governo do estado e prefeitura de Campo Grande, que não é só para desassorear o lago, tem as obras mitigatórias do dano que são acima do lago. Porque não é só aquele lago, nós temos dois lagos acima do Parque das Nações Indígenas, mas o problema não é ali dentro, o problema é fora, da onde vem o sedimento dos rios  e a prefeitura vai fazer uma parte, o governo do estado vai  ter outra. Provavelmente, eu e o prefeito Marquinhos [Trad] vamos assinar um acordo de cooperação na semana que vem”, disse.

Problema recorrente, o assoreamento do lago do Parque das Nações indígenas, um dos principais cartões-postais de Campo Grande, aumentou nos últimos meses. A situação motivou protestos, como um “abraço” simbólico” no mês passado e um show musical com artistas regionais, realizado no último domingo (14).

Enquanto nenhuma medida efetiva é tomada pelos órgão públicos, o lago desaparece aos poucos. A cor escura da água e o leito raso denunciam que a situação já beira o caos em termos de agressão ao meio ambiente e uma solução é urgente.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Segunda etapa da campanha de vacinação começa nesta segunda
GRIPE

Segunda etapa da campanha de vacinação começa segunda

Feriado sem mortes, mas 1,6 mil são autuados por excesso de velocidade
RODOVIAS FEDERAIS

Mais de 1,6 mil são autuados por excesso de velocidade

Pacientes esperam até 6 horas por atendimento em CRS da Coophavilla
SAÚDE

Pacientes esperam até 6 horas por atendimento em CRS

Frente fria passa pelo Estado e temperaturas caem nesta segunda
TEMPO

Frente fria passa pelo Estado e temperaturas devem cair

Mais Lidas