Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

SAÚDE

Funcionários do Hospital Regional protestam contra terceirização

Categoria cobrou posicionamento dos deputados na Assembleia Legislativa
15/08/2019 11:40 - IZABELA JORNADA


 

Funcionários do Hospital Regional compareceram na manhã de hoje (15) na Assembleia Legislativa reinvidicando que deputados conversem com governo para que o hospital não seja terceirizado. De acordo com a categoria, o secretário de saúde do Estado, Geraldo Rezende, teria anunciado a futura terceirização durante agenda que ocorreu no mês passado.

O técnico de enfermagem Juarez Barroso disse que se o hospital for terceirizado a situação vai ficar pior do que está, e afirmou que até o elevador não está mais funcionando. “Salários atrasados, falta medicação e o pior é que não temos voz”, declarou o técnico que veio com mordaça na boca para protestar contra a negativa dos deputados sobre pedido de uso da tribuna. “Não temos voz, fomos impedidos de falar”, protestou.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores de Seguridade Social,  Ricardo Bueno, declarou que Rezende informou valores repassados pelo estado para o hospital e que o secretário colocou a culpa nos servidores. “Ele disse que R$30 milhões são repassados, mas não é verdade”, afirmou. Bueno defende ainda que transformar o hospital em organização social (OS) não funcionou em outras cidades. “Não funcionou em Ponta Porã, Chapadão, Dourados", disse Bueno .

Atualmente, o Hospital Regional tem 2.200 funcionários e é 100% público. De acordo com Bueno, é o único hospital de porta aberta. “O HU precisa ser regulado e Santa Casa tem recursos privados” finalizou.

Felpuda


Outrora afinadíssimo com o presidente Jair Bolsonaro, parlamentar sul-mato-grossense começou a ser escanteado em consequência de uma das crises políticas de grande repercussão. A figura entrou em campo e botou falação sobre o que estava ocorrendo, e isso soou que só como crítica pesada ao governo, que, como não poderia deixar de ser, não gostou nadica de nada. Há quem diga que o dito-cujo é muito levado “pelo sangue”. Então, tá!...