Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

SEGURANÇA

Força Nacional vai permanecer em Caarapó por mais três meses

Portaria que trata sobre o assunto foi publicada no Diário Oficial da União

15 MAR 19 - 09h:38MARESSA MENDONÇA

A Força Nacional vai permanecer em Caarapó por mais 90 dias, a contar do dia 13 de março, quando venceu a última portaria sobre o assunto. A autorização, assinada pelo ministro da Justiça, Sérgio Moro, foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (15) e tem como objetivo evitar confrontos armados entre indígenas e produtores rurais da região.

Conforme a publicação, a Força Nacional não vai atuar exclusivamente na prevenção aos conflitos por questões fundiárias, mas, deverá também coibir o tráfico de drogas, contrabando, armas e munições, entre outros crimes na região da faixa de fronteira.

A decisão de Moro busca evitar um banho de sangue iniciado na região em junho de 2016, quando a então presidente Dilma Rousseff (PT) chancelou nova demarcação de terras indígenas para a etnia Guarani Kaiowá.

Na ocasião, a então gestão federal justificou sua decisão baseada em estudos de identificação e delimitação das terras, pedido pelos indígenas.

Com a sanção de Dilma, índios de uma aldeia local decidiram invadir uma fazenda e seis deles foram baleados. Um agente de saúde morreu após ser atingido por cinco disparos.

Depois do atentado, que ganhou as manchetes nacionais, oito fazendas nos arredores foram invadidas e permanecem, até hoje, ocupadas, amparadas pela decisão de 2016. A Força Nacional busca exatamente garantir que haja novas tentativas de confrontos armados, algo que se tornou rotineiro desde então.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Operação na fronteira prende 3 por contrabando e venda de combustível
MAD MAX 2

Operação na fronteira prende 3 por contrabando e venda de combustível

VIOLÊNCIA SEXUAL

Polícia investiga estupro de menino de sete anos cometido por adolescentes

Crime ocorreu em casa de acolhimento em Três Lagoas
Força-tarefa da Lava Jato prende Michel Temer
MANDADO

Força-tarefa da Lava Jato prende Michel Temer

As cinco lojas da Bigolin <br> poderão ser reabertas amanhã, às 8h
SUSPENSÃO DE FALÊNCIA

As cinco lojas da Bigolin poderão ser reabertas amanhã, às 8h

Mais Lidas