Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 21 de novembro de 2018

fronteira

Força Nacional permanece em MS por mais 180 dias

Trabalho será realizado na região de fronteira e comunidades indígenas

11 AGO 2015Por Da Redação16h:47

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, autorizou a renovação da permanência da Força Nacional por mais 180 dias em Mato Grosso do Sul, conforme portaria publicada nesta terça-feira (11) no Diário Oficial da União.

O Ministério da Justiça levou em consideração o ofício com o pedido do governador Reinaldo Azambuja, que solicitou apoio às atividades da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp). 

O trabalho será realizado especialmente na região de fronteira com o Paraguai e a Bolívia, no combate ao tráfico e ao contrabando no território de Mato Grosso do Sul, como parte da Estratégia Nacional de Segurança Pública nas Fronteiras (Enafron). 

A Força Nacional também deve permanecer por mais 60 dias no estado, em apoio à Polícia Militar (PM) em ações preventivas para evitar conflitos agrários entre os municípios de Antônio João e Japorã. As equipes também vão agir na prevenção a crimes contra as comunidades indígenas. 

A operação terá o apoio logístico nos termos do Acordo de Cooperação Técnica firmado entre os estados e Distrito Federal.  O número de profissionais a ser disponibilizado pelo Ministério da Justiça obedecerá ao planejamento definido pela Sejusp. O prazo do apoio prestado pela Força Nacional poderá ser prorrogado.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também