Domingo, 22 de Abril de 2018

NO JARDIM TIJUCA

Flagrado dentro de loja, ladrão se identifica como vigilante e ameaça até prender guardas

Homem 'fazia a limpa' em comércios do bairro da região sul

16 ABR 2018Por RAFAEL RIBEIRO11h:30

Homem de 39 anos, flagrado pela Guarda Civil Municipal no exato momento em que invadiu uma loja do Jardim Tijuca, região sul da Capital, tentou se pasar por vigilante, fez menção de estar armado e ainda ameaçou prender os agentes por 'desobediência', antes dele mesmo ser punido pelo seu crime. O caso aconteceu na noite do último domingo (15).

De acordo com o registro da ocorrência feito na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) da Vila Piratininga, o suspeito já invadira outros comércios do bairro naquela noite e foi surpreendido no exato momento que se preparava para mais uma ação criminosa bem sucedida. 

O bandido, morador do bairro Santo Amaro, no outro extremo da cidade, foi flagrado quando a equipe da força municipal descobriu a porta de ferro arrombada durante ronda. Estava entreaberta com um pedaço de madeira.

Pego no momento que separava itens de valor, o suspeito não se fez de rogado: meteu a mão na cintura, mandou a lorota de que na verdade era vigilante e ainda ameaçou deter os guardas sob a alegação de que estariam invadindo o lugar.

Mentira obviamente tem perna curta e neste caso não foi diferente. Uma rápida ligação para o proprietário matou quaisquer dúvidas que ainda restavam sobre os motivos pelo qual o suspeito estava dentro da loja. E a revista de sua mochila dizimou as chances do conto ser levado a sério. 

O falso vigilante acabou indiciado por furto qualificado. E os objetos que haviam sido tomados de seus donos, devolvidos. Resta a ele a história de um dia quase ter conseguido se livrar de um flagrante certo. Tempo para ir praticando agora ele terá. 

 

Leia Também