Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

Crime ambiental

Fazendeiro é multado em
R$ 6 mil por construir loteamento ilegal

Área de oito hectares foi loteada sem autorização em zona rural de Bataguassu

17 AGO 15 - 17h:46Glaucea Vaccari

Um homem de 48 anos foi multado em R$ 6 mil por construir um loteamento ilegal em Bataguassu, distante 335 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com a Polícia Militar Ambiental (PMA), durante fiscalização nas proximidades do Rio Paraná, a equipe percebeu a abertura do loteamento em uma propriedade rural, que abrangia uma área de oito hectares. Algumas pessoas que adquiriram os lotes já haviam construído residência no local.

As atividades no local foram interditadas e o proprietário deve responder por crime ambiental de construir atividade potencialmente poluidora sem autorização. A pena, em caso de condenação, varia de três a seis meses de detenção.

Como o loteamento não está em área de preservação permanente, o proprietário foi orientado a apresentar um projeto junto ao órgão ambiental para a possível legalização da atividade.  

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Prazo para pagamento do IPVA com desconto de 15% termina na sexta-feira
IMPOSTO

Prazo para pagamento do IPVA com desconto de 15% termina na sexta-feira

Especialista alerta para cuidados que pais precisam ter ao mudar crianças para nova escola
MUDANÇA DE ROTINA

Especialista alerta para cuidados que pais precisam ter ao mudar crianças de escola

Mega-sena acumula, mas Mato Grosso do Sul tem 79 apostas ganhadoras na quadra
SORTEIO

Mega-sena acumula, mas Mato Grosso do Sul tem 79 apostas ganhadoras na quadra

Domingo de sol e calor em todo Estado; Chuvas aparecem de novo na quarta-feira
PREVISÃO DO TEMPO

Domingo de sol e calor em todo Estado; Chuvas aparecem na quarta-feira

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião